Falsas Lembranças Sobre As Coisas

Falhas memórias de um tempo atrás, no futuro, onde te mando mensagem pra dizer que penso, naquele momento, nos seus olhos daquela outra noite. Aqueles que refletiam todas as constelações visíveis e linhas imaginárias entre os pensamentos e os impulsos. Os refletores moldavam parte da história e da relação com ela que, a partir daquela hora, começaria a se reestruturar. Sons mais cremosos e gostos calmos e seus movimentos: todos esses emoldurados pela ação dos novos ventos, das tempestades que já vivi.
Mas eu ainda nem me esqueci.

Tentação é não lembrar dos males
Excretar todos os venenos
E por lembrar menos
Perceber sempre um detalhe a mais

Sonhar e esquecer
Toda manhã
Tornar eterno o que está na frente
E não por trás dos meus porquês