“Quero fazer a diferença na vida, mas

Minha memória anda meio esquecida, e

Eu já nem lembro o que eu faço da vida, então

Eu só me lembro que não sonho e sou outra vida perdida

Quem sabe eu me encontre na despedida em que me entregarei aos pontos dessa estrada sem nenhuma recaída

Ainda sinto saudades da bala perdida

Que a muito tempo se encontrou e abalou a minha vinda

Sem tirar do assunto os meus amores, pra no ponto de partida não virem dizer que não falei das flores

Minhas dores, ardores e meus rancores, que pra você são puras poesias pra mim são meus redentores”

-Alanz0R

Like what you read? Give Alanzor (Rapture) a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.