Adeus.

Vou te poupar do trabalho de dizer adeus.

Despedidas são difíceis, eu sei bem.

E você não me parece ter a hombridade necessária para fazê-lo.

Então vou evitar esse conflito na sua vida.

Eu sei que você não aguenta.

Precisa estômago.

Precisa coragem.

É constrangedor.

Como é hábito meu, vou poupar a todos — menos a mim —

E ir embora antes de você dizer adeus.

(Já fui embora outras vezes.

Para poupar outros que também não aguentavam.)

Adeus.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.