Para a construção do muro de Trump, Senador defende o uso de dinheiro público que hoje é destinado à clínica de abortos Planned Parenthood

Planned Parenthood e o programa Food Stamps estão entre os afetados pelo redirecionamento do dinheiro

O Senador Republicano Steve King propôs uma mudança de curso na destinação de dinheiro dos pagadores de impostos: ao invés de favorecer a mais famosa clínica de abortos da América, Planned Parenthood, King quer, doravante, que este dinheiro seja realocado em favor da construção do muro na fronteira sul dos Estados Unidos.

O muro foi uma das principais promessas de Donald Trump durante a campanha eleitoral.

Na última terça-feira a comissão do Senado responsável pelo orçamento em segurança nacional (House Appropriations Committee) anunciou a inclusão de 1,6 bilhões de dólares para começar a construção do muro.

Dando entrevista à CNN, quando perguntado se o valor acima bastava, Steve King sentiu-se insatisfeito e disse:

“Eu jogaria outros US $ 5 bilhões no monte e eu acharia meio bilhão desse valor dentro do orçamento do Planned Parenthood. E o resto poderia sair de ajuda de custos em alimentos (Food Stamps) e os programas sociais que estão sendo distribuídos para pessoas que não trabalharam em três gerações”.

Steve King justificou a saída de dinheiro de programas como Food Stamps porque, segundo ele, a dependência de pessoas nas mãos do estado saltou de 19 milhões para 47 milhões.

O dinheiro para o financiamento do muro (de onde virá) ainda é motivo de intensos debates nos Estados Unidos. A proposta mais criativa foi dada pelo Senador Republicano pelo Estado do Texas, Ted Cruz, que sugeriu congelar 14 bilhões de dólares do cartel de drogas comandado pelo traficante mexicano El Chapo (preso em solo americano).

Como Donald Trump constantemente dizia (e ainda diz) que o México pagaria pelo muro, não há dúvidas de que a proposta de Ted Cruz traga um tom irônico em si mesma.

Like what you read? Give Julio Gonzaga a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.