This story is unavailable.

Pois é, a linha conta apenas com estações dotadas de plataformas laterais, o que se justifica pelo menor custo de construção. Infelizmente a vocação integradora da linha realmente levanta oportunos questionamentos quanto a ser o melhor modelo… no Coletivo é praticamente consenso que não é o melhor maneira, mesmo pensando numa malha futura mais densa e numa demanda mais equilibrada. A impressão que fica é a de que o governo buscou reduzir os custos com as obras em detrimento da funcionalidade.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated COMMU’s story.