Ontem,

Madrugada x90

As mudanças ocorridas em escala global devido a adoção massiva de tecnologia seja por parte das empresas ou profissionais modificou radicalmente as relações organizacionais, profissionais até mesmo pessoais.

Num mercado estranho e novo vivenciávamos pouco a pouco a popularização do termo Informática, observávamos o crescimento de um park mercadológico dessa tal informática.

Dado apartir da década de 90, com maior intensidade as ondas tecnológicas têm norteado as ações empresárias e profissionais em todos os lugares, impulsionando-nos ao repensar contínuo sobre novas práticas, modelos e processos. Nessa época(9x), rodando *.bat´s de backup aproximadamente as 02:00 da manhã, cercado da familia IBM PC/XT, IBM PC/AT 80286, 80386SX, 486DX-33, para a familia AT algumas ligadas em Windows For WorkGroups e outras em beta-test na Novell NetWare Lite, trancado naquilo que chamáva-mos de CPD(Centro de Processamento de Dados), preparando em uma das muitas madrugadas o dia de trabalho dos departamentos da empresa(que era de médio porte) que como tudo que é novo(á tal informática) naturalmente gerava-se resistência e numa cultura organizacional(ou melhor dizendo mercado) predominantemente hierárquico, tornava tudo mais complexo e desafiador.

A mobilização avassaladora na época foi o surgimento da cultura client/server, com suas propostas e indagações para que o mundo corporativo fosse em rede, hoje isto não se discute.

Da mesma forma que a transição do CPD para uma computação mais distribuída com a adoção também massiva no uso de Software de Automação de Escritório, dando poder de desenvolvimento aos usuário num processo de culturalização total da empresa para este cenário, algo que hoje isto também não se discute. Hoje nós também estamos num novo cenário de mobilização massiva com o surgimento da necessidade da organização digital, cenário impulsionado pela adoção global de plataformas digitais e midiáticas; algo que a cada dia não se discute mais…