Saiba quanto os candidatos a vereador gastam na campanha

Fonte: Tribunal Superior Eleitoral

O limite de gastos por candidato a vereador em Goiânia é R$ 519 mil reais. E tem candidato que já gastou quase esse valor, conforme levantamento aleatório na lista de 738 candidatos no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Gustavo Cruvinel (PV), é um dos recordistas. Filho do conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Honor Cruvinel, e também ex-deputado estadual, o candidato do PV declarou gastos de R$ 457 mil, mas arrecadou menos, R$ 320 mil. (Confira no gráfico abaixo as receitas e despesas de 43 candidatos em Goiânia até R$ 10 mil.)

O levantamento mostra que estão entre os candidatos que mais arrecadam os vereadores que disputam a reeleição ou os que são herdeiros políticos. Entre os vereadores, a segunda maior doação foi recebida por Anselmo Pereira (PSDB). Candidato ao oitavo mandato, ele é vereador há 28 anos, Anselmo arrecadou R$ 182 mil. O vereador Carlos Soares (PT), irmão do ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, declarou receita de R$ 148 mil e Denício Trindade (SD), também candidato à reeleição, R$ 142 mil.

O vereador Wellington Peixoto (PMDB), irmão do deputado estadual Bruno Peixoto, e o ex-secretário Andrey Azeredo receberam R$ 118 mil e R$ 113 mil respectivamente. A vereadora Tatiana Lemos (PC do B) diz que gastou 150 mil reais, mas arrecadou R$ 96 mil. Abaixo deles estão os vereadores Antônio Uchôa (PMN), com R$ 97 mil e Elias Vaz (PSB), com R$ 88 mil reais.

Sabrina Garcêz (PMB) estreia na carreira política e já arrecadou R$ 86 mil. Ela é parente da vereadora Cida Garcêz (PMN), que está com a candidatura à reeleição indeferida. Há candidatos com receitas entre R$ 50 mil e R$ 70 mil; entre R$ 25 mil e R$ 40 mil; e na faixa de R$ 20 mil. Há muitos candidatos que não fizeram ainda nenhuma prestação de contas. O professor Pantaleão (PSOL) declarou receita de apenas 9 reais.

Antes de definir seu candidato a vereador consulte o DivulgaCanContas, do Tribunal Superior Eleitoral. Confira na página de cada candidato três dados importantes: sua lista de bens se há contra ele ações na justiça e a prestação de contas da campanha (receita, despesas, doadores e fornecedores contratados.