O Coração Vermelho

O mundo que vivemos é totalmente desigual e injusto, mas quando foi que descobrimos isso? Quando entramos no colegial? Na universidade? Há adultos que ainda nem sabem dessa realidade. O livro “O Coração Vermelho” é um projeto para conscientizar as crianças, cada vez mais cedo, de um outro tipo de ser humano que elas podem ser.

“O Coração Vermelho” é um livro que se trata de compaixão e amor ao próximo num mundo marcado pelo ódio e pelo desprezo ao sofrimento alheio. Com uma linguagem simples, leve e didática, as histórias ensinam às crianças a identificar a raiz dos problemas que afligem a nossa sociedade e também mostram atitude que podemos tomar para mudarmos isso. Através de Ana Cecília, uma garota que desde pequena pensa em seus amigos e se compadece por eles, a escritora Daniela Marques passa para as crianças uma mensagem de empatia e uma nova maneira de viver. O livro conta também com a bela ilustração de Leonardo Conceição.

O livro é o primeiro de uma série de outros sete livros infanto-juvenis que virão para abordar temas sérios da vida, como “respeito; Corrupção; Relacionamentos; Educação e meio ambiente; Cidadania/sustentabilidade; Amor ao próximo; Escolhas e suas consequências”, de uma maneira que crianças possam entender.

O objetivo do projeto é que escolas, ONG’s, igrejas, hospitais e famílias possam usar o livro com as suas crianças para debater os temas propostos e assim, estimular nelas o senso crítico, a consciência social, o amor ao próximo. “O Coração Vermelho” quer aproveitar a fase de formação da criança para que ela possa ser um adulto consciente e busque saídas para as injustiças cotidianas e se posicione perante a elas.

Segundo o pastor Ariovaldo Ramos, “esse livro fala de três corações: o cinza, o bege e o vermelho. É a história de uma criança que muda do bege para o vermelho, percebe a beleza da doação, da contribuição e do abraço. Uma criança que percebe o que acontece com a raça humana e vê que isso tem um nome: injustiça. Ela vê que isso pode mudar, que isso não é vontade de Deus, é uma incapacidade de ver o outro. Essa é uma história para as crianças entenderem o coração de Deus. ”

Saiba mais em: entrenos.co

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.