Adeus

Como constelações eu te amei

nem sem por onde começar

vou começar dizendo que errei,

errei quando disse que podia te amar

E minha embriogênese? eu te avisei que foi interrompida.

E por mais tolo e bobo que pareça

são de nossos sentimentos que estamos falando

E essa história de longe eu sinto que ja foi vivida

e não vou insistir em continuar andando.

Te deixo meu adeus, vi sua mudança, vi suas etapas vi você voar.

E perdão, não somos os “alguém” que poderão se amar.

ah, e desculpe me pela confusão que gerei são inúmeras estrelas em mim, são constelações inimagináveis, coisas de interior sabe?

— Para o meu pedaço.

-Constelações em Mim.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.