Por que os pôsteres de filmes estão tão genéricos?

O que antes era objeto de admiração e uma qualidade à parte do filme, hoje é apenas um panfleto descartável.

Todo amante de cinema possui uma certa paixão pelo pôster. Assim como a capa de um álbum, o pôster de cinema é a forma de sintetizar todo cerne de um filme através de uma imagem. Essa imagem não apenas tem que representar o conceito do longa como também tem de ser bastante chamativo a ponto de provocar uma reação em quem a vê e induzi-la a assistir ao filme. Entretanto, o cinema vem gradativamente ignorando esta arte e a maior parte das vezes a realizando de forma bem preguiçosa ou desinteressada em criar algo que tenha um valor artístico correspondente ao do longa.

O que levou a criação deste texto foi o anúncio do pôster do filme Homem Aranha — De Volta ao Lar, sendo estes um dos piores pôsteres dos últimos anos e vindo de um dos filmes mais esperados também dos últimos anos, é tão visível a falta de compromisso e criatividade da equipe do filme que isso virou até motivo de piada nas redes sociais. Esse fato faz recordar que não apenas o longa do aguardado Homem Aranha, mas sim a enorme maioria dos filmes vem trazendo esse tipo de problema em relação ao pôster, o que é decepcionante a todos os cinéfilos, pois cada um quer colocar um belo pôster daquele filme o qual tanto gosta na parede ou já possui um em casa.

O pôster é uma das formas mais antigas de se promover e anunciar um filme. Começou a se popularizar nos anos 1920 sendo estes feitos com desenho à mão, possuindo cores vibrantes e pouco texto, também foi nos anos 20 em que os atores começaram a ter seus rostos e nomes estampados nos pôsteres, o que lhes deram notoriedade e foram surgindo as primeiras grandes estrelas do cinema, Charlie Chaplin é um exemplo disso. Com o tempo em que o cinema foi-se evoluindo, os pôsteres foram evoluindo junto e muitos desses foram ganhando status de cult, virando objeto de desejos dos demais amantes da sétima arte.

Alguns exemplos de belíssimos pôsteres.

A chegada da era digital foi um divisor de águas para o cinema, tanto na forma de se produzir um filme como também na forma de promove-lo, e dentro deste contexto, houve um declínio nos pôsteres o qual perdura até os dias de hoje. As empresas deixaram de investir seus esforços nos pôsteres e passaram a dedicar-se mais as redes sociais e nos demais sites, porque esta mídia digital consegue alcançar uma audiência bem maior do que qualquer pôster possa produzir, portanto, hoje o pôster é basicamente um panfleto do filme, sem qualquer valor artístico e facilmente esquecível.

A esquerda, um dos melhores pôsteres já feito e a direita o remake do mesmo filme com um pôster bem abaixo do filme original.

A situação está tão crítica que anos atrás um usuário fez montagens compilando os mais variados pôsteres de filmes, todos eles genéricos e com semelhanças, essas imagens foram largamente compartilhadas nos blogs de cultura pop.

Se você quer estabelecer que seu longa é um grande filme independente, basta colocar um amarelo bem saturado.
A grande maioria das comédias as quais possuem duas pessoas com uma relação amor e ódio tem no pôster elas de costas para a outra.
Vermelho é uma cor forte, seja da violência ou da paixão. Quando um filme tem uma mulher que é o centro de toda a história, no pôster ela estará usando um vestido vermelho.
Filmes onde o protagonista é um “lobo solitário”, “badass” e vigilante tem como pôster ele virado de costas, geralmente segurando uma arma.
Poster com duas pernas femininas é clichê de comédias os quais possuem algum teor sexual ou tem alguma personagem gostosa na trama.
Filmes de ação costumam produzir pôsteres em preto e branco com elementos em vermelho e laranja, sendo estes elementos basicamente fogos, explosões ou luzes
Rostos flutuantes ao lado de nuvens sobre um mar em cores pasteis? Comum de filmes de drama ou romance, com alguma cena tocante e agridoce.
Pôster com um foco no rosto de alguém e com letras a sua frente em destaque, isso acontece quando o filme quer te convencer que o personagem é alguém incrível.
Filmes sobre animais tendem à adotar um poster bem azulado, associado ao mar, céu e a serenidade. Colocar uma gigante lua de fundo também é algo comum.
Quando o filme é um drama do qual o protagonista tem que enfrentar um dilema moral ou buscar a justiça, no pôster seus olhos estão vendados e com um título sobre eles.

Uma categoria de pôsteres de filmes bastante criativos e chamativos são os dos filmes B, principalmente nos anos 80, porque são quase todos feitos em desenho, tendo cores vivas e uma arte da qual te faz querer ter todos na parede de sua casa.

Há uma esperança para os pôsteres de filmes atualmente? Infelizmente não, porque os pôsteres na verdade são uma consequência da também falta de criatividade dos blockbusters de Hollywood, enquanto a “onda” de filmes remakes e sequências não abaixar, é muito pouco provável que apareça pôsteres criativos, pois estes são decorrentes de filmes criativos. O que resta para os cinéfilos em relação a pôster é de ficar no saudosismo e admirar os bons e clássicos os quais querem tanto emoldurar.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.