Enquanto não durmo

Deve haver alguma vantagem em estar desempregado aos 24 anos mas ainda não encontrei. Enquanto procuro, penso em como o ócio depois de certa idade pode ser motivo de culpa e sofrimento. Não chorar, às vezes, pode ser uma prova de resistência. Evito ouvir The Smiths, contudo. Por vezes, o suicídio só precisa de uma trilha sonora. Melhor não arriscar.

Falei em como o ócio pode ser motivo de sofrimento. Explico: Não há diversão que se aproveite satisfatoriamente quando tu sabe que devia está fazendo outra coisa. E essa coisa é algo serio, como estar trabalhando. Não há livro lido sem culpa. Não há filme que tu asssita sem lembrar das aulas que tu taria dando, essas coisas.

Bem, é isso.

………

Por sorte, optei pela leveza como modo de vida há algum tempo. Não vejo sentido em ser emburrado espiritualmente. Digo espiritualmente, já que sou meio fechadão de cara, em sociedade. Não é mau, à medida em que afasta folgados. Mas também não é uma coisa que me encha de orgulhos.

(Neste momento ligo no youtube para ouvir uma música que diz: “nada mal, curtir o terra samba não é nada mal...” que fez algum sucesso nos anos 1990. A música é divertida, e dou uma mexidinha (heterossexual) no pescoço enquanto digito.)

Onde estava? Sim, na leveza. Sou infantil e leve, incrivelmente leve. Por opção e por espírito. Mente de criança. Tem valido a pena.

…………..

Estive interessado por uma guria que está noiva. Irredutivelmente noiva. É uma pena. Acho que casa esse ano ainda. É isso.

…………

Leio poesia. Gosto de poesia. Dou boas aulas envolvendo poesia. Mas jamais escreveria poesia. Poesia é como a capela cistina. Se você não faz nada parecido com aquilo não se meta com artes plasticas. Com arquitetura. Com nada daquilo. O mesmo para poesia. Ou Shakespeare, ou nada.

…………..

Estive vendo novelas. Detesto novelas. OK, não detesto, mas não me interessa. É como o movimento feminista, nada contra, mas não me interessa.

BRINCADEIRA.

Falava das novelas. Acho a melhor coisa da vida de quem escreve roteiros é você fazer novela. Baita salário, baita audiência. Deve mexer a auto estima do sujeito. Faria. Sim, é um lixo, mas…

………….

Vejo cada pessoa bobinha aqui no médium com 5000 seguidores que não posso deixar de ter aquele sentimento lamentável do ser humano: a inveja. Xingo mentalmente a guria enquanto leio. 5 mil seguidores? Porras. Inveja é um sentimento ruim. Eu disse que era leve? Esqueçam.

……..

Caetano é o maior de todos. Nosso Bowie. Ouçam algo dele. Vocês me envergonham em não ouvir certos caras por gostarem da Dilma. Quem não gosta da Dilma? A fraqueza sempre comove. Caetano também tem coração.

Comecem por Bicho. E não parem mais.