Seria Bolsonaro o novo Cristo?

OK, ignorem a pergunta sem noção do título, essa comparação surgiu 7:00 da manhã dentro de um ônibus lotado, enquanto lia no Twitter os comentários sobre a hashtag #MotivosParaVotarEmBolsonaro.

Alguém com mais de 13 anos considerar votar nessa figura tão emblemática da política brasileira já me parece esquisito, mas o que mais me assustou foi a militância tão forte dessa galera, é sério… eu comecei a ler a hashtag pensando que era brincadeira, mas aparentemente o cara está num pedestal de divindade, vou compartilhar um pouco dessa tristeza matinal com vocês:

Aparentemente foi aqui que começou a situação, olha.. com certeza um “símbolo” de união é muito relevante pra uma causa, nesse ponto, eu entendo a direita brasileira, na real, isso me lembra muito uma situação histórica, não é? Tipo cruzadas, imagino o Papa Urbano II falando “E aí, rapaziada.. tá na hora do povo cristão se unir para libertar Jerusalém” e então a galera fala “Porra, demorou!! vamo ai, Jesus humilha satanás” então começa o rolê.

Mas a pergunta principal é… Por quê?

Bora imaginar uma outra cena? Trier, França, ano de 1252, papa Inocêncio IV libera usar força bruta pra conter os inimigos, alguém pergunta…

- Por que vocês querem queimar essa família de Cataros*?
- Ah, porque ela é desonesta, do capeta e é contra os princípios da família tradicional.
- Ok, cara.. você tem um bom ponto.

Tudo bem, não sou um especialista em inquisição, talvez meu dialogo não tenha 100% de embasamento histórico, mas a ideia é basicamente a mesma: “Vamos fazer isso por cristo”.

*Os Cataros foram uma turminha da pesada que incomodou a igreja.

Bem, já dizia a música: Um elefante “encomoda” muita gente… tá, vou deixar pra lá essa parte, esse lance do que “é certo e justo” sempre pareceu confuso pra mim, claro.. talvez seja algum desvio de ética cristã da minha parte, porque as coisas sempre pareceram claras pra uma outra parcela da população, como aqueles caras, puritanos, eles chegaram em Massachusetts lá por 1.600 ai montaram uma polícia cristã (ninguém metia esse papo de estado laico naquela época) quem vacilava e não queria o que era justo (pra época) eram forçados a entrar na linha, rolava flagelos, enforcamentos, cortes de orelha, a porrada comia solta.

Mas assim, era uma porrada certa e justa.

Geologicamente falando, toda a nossa história não passa de um dia pro nosso planeta, OK? OK.. Se toda nossa história não passa de um dia, há um piscar de olhos atrás na grande mãe Rússia um carinha subiu ao poder, o nome dele era Nicolau II ou Nico, como vamos carinhosamente chamá-lo.

Nico tinha um grave problema uma porrada de revolucionários safados estavam armando para instaurar um caos comunista naquele país, óbvio que um governante que se preocupa com a população de bem não poderia deixar isso acontecer, não é mesmo?

Mas então o que fazer quando você não sabe onde seu inimigo está? Boa pergunta, eu não sei.. mas o que nosso amigo Nico fez foi ir atrás de uma galerinha que eram considerados os responsáveis por todas as desgraças que aconteciam no país. (acredite se quiser, mas não eram os vagabundos comunistas liderados pelo PT) eram os judeus, mas qual o motivo deles serem perseguidos? Simples , eles “foderam” com a vida de um importante personagem cristão (talvez o mais importante, claro).

Então, graças ao Nico, 660 comunidades Judaicas foram atacadas e ainda espalharam um documento que falava sobre um grupo secreto de judeus que se reuniam uma vez a cada 100 anos pra planejar destruir o mundo, a família tradicional e a população de bem.

Bem.. acredito que é isso, agora a minha única dúvida é se Cristo era patriota, compromissado com a verdade e se ele sabia que o socialismo iria foder todo o mundo.


Obrigado por ter lido e que Deus me perdoe (ou mande um meteoro direto na minha cabeça) por essa comparação.

PS: tô com sono demais pra revisar esse post agora. ☹