“Talvez eu não tenha sido feito para amar…Mas se eu soubesse que eu poderia chegar até você, eu iria.”

Eu quero você (I WANT YOU AND I ALWAYS WILL)…E embora eu saiba que não posso te-la e nunca vou poder, eu ainda continuo a te querer (mais e mais), e parece que a medida que sou proibido de ama-la, te-la para mim, este sentimento continua a crescer. Eu estou tão cansado deste mar entre nós, mas sei que se tentar nadar até você, quando chegar ao seu encontro irei me afogar…Because this ocean is dangerous for the amantes of love.

Eu não posso mais sentir…Pois acordo e aonde está você senão do meu lado? Chegamos aqui da maneira mais difícil, e enquanto me afogo neste mar de solidão, você está aí com alguém que por descuido ficou no meu lugar…E todas aquelas palavras que trocamos?…Será que tudo fora de fato em vão? Como é que só consegui tirar raiva de algo que um dia fora tão lindo? e repleto de amor e carinho? Como é que as coisas de repente ficaram tão sombrias?

E agora, eu não posso mais nos salvar, minha “Atlantis”. Ambos machucados, construímos este romance em terreno movediço e inseguro. Romance nascido com validade, entre corações partidos. Nós o construímos para depois mata-lo. Agora, o que nos resta são noites mal dormidas e um dor que me deixa assutado toda vez que encosto a cabeça no travesseiro. E é tão difícil olhar para trás e ver que perdi o que um dia foi um de meus maiores tesouros, me sinto tão fraco e cansado para continuar. O que restou foram apenas lindas e dolorosas palavras que conto e reconto aos amantes do amor…

“Talvez eu não tenha sido feito para amar…Mas se eu soubesse que eu poderia chegar até você, eu iria.”

× Jake William