A Evolução dos Meios de Comunicação

→ Arte Rupestre ( 40.000 anos A.C. )
 A arte rupestre é o nome dado a gravuras presentes em grutas e cavernas onde o homem expunha principalmente, as suas caçadas e conquistas.
 Esta seria uma forma de manifestação simbólica mas também um modo de assegurar a sobrevivência das futuras gerações Estas cenas do cotidiano do homem pré-histórico permitiram que mensagens fossem transmitidas a outras populações e que também imagens fossem enviadas para o futuro, para a posteridade.

→ O papiro ( 2500 anos A.C. )

Após a invenção da escrita, os egípcios desenvolveram a técnica de produzir folhas de papiro a partir da planta de papiro. A folha de papiro era obtida utilizando a parte interna, branca e porosa do caule do papiro, eram utilizadas com o intuito de manter um registo permanente de informação a reter para futuras gerações.

→ O Correio ( 2400 anos A.C. )

O Correio é um meio de comunicação que começou -ainda no Antigo Egipto -por permitir aos Faraós o envio de cartas ou documentos por toda a extensão do seu Império. Essas cartas eram expedidas pelos seus mensageiros que realizavam diariamente dezenas de quilómetros, de modo a permitir a entrega ao destinatário sem muita demora.

Hoje em dia, com o apoio de gigantescas frotas de navios e aviões, o envio de cartas, documentos ou qualquer outro tipo de mercadoria são enviados por todo o globo a uma velocidade impressionante.

→ O Telégrafo
 
 O telégrafo consiste num instrumento criado com o objectivo de transmitir mensagens a longas distâncias. Esta foi uma forma utilizada para transmitir a outras povoações, terras ou províncias a vitória numa batalha ou a declaração de guerra a uma delas, por exemplo.

No entanto ao longo da história existiram várias formas de telégrafos, algumas listadas abaixo:

O Telégrafo de Tochas ( 1300 anos A.C. )

O telégrafo de tochas tinha como principal objectivo o envio de mensagens codificadas por emissão de luz proveniente de tochas.

Foi utilizado pela primeira vez para a transmissão aos povos circundantes que Troia tinha sido derrotada pelo povo Espartano em meados do século 1300 a.C.

O Telégrafo de Tambores ( 529 anos A.C. )

O telégrafo de tambores era utilizado principalmente para o envio de mensagens utilizando tambores. Estes tinham uma caixa-de-ressonância que permitia propagar o som a longas distâncias.

Este meio de comunicação com data de nascimento incerta, era utilizado para transmissão de mensagens codificadas entre povoações vizinhas.

O Telégrafo de Fumo ( 150 anos D.C. )

O telégrafo de fumo teve como objectivo primordial a transmissão de mensagens utilizando sinais de fumo. Essa informação depois de recebida pelo destinatário era interpretada e descodificada para posterior leitura e análise.

Este foi um dos meios mais utilizado no século II pelo povo romano para transmitir mensagens entre o seu gigantesco império.

Telégrafo Eléctrico ( Séc. XIX )

O telégrafo eléctrico foi inventado por Samuel Morse, célebre inventor e pintor do séc. XIX pelo trabalho no campo das telecomunicações.
 Samuel Morse, inventor do código Morse, criou este código de modo a permitir o envio de mensagens codificadas a longas distâncias utilizando apenas som.

A descoberta deste meio de comunicação permitiu um vislumbre esperançoso no futuro das telecomunicações. Este instrumento ainda hoje é utilizado em navios, submarinos e aviões, por exemplo.

→ O Jornal ( Séc. XVII )

Um jornal é uma publicação que contém notícias e artigos, normalmente impressa em papel de custo relativamente baixo.
 Embora no ano 713 tenha sido publicado um manuscrito em Pequim que dava os primeiros passos numa indústria de tanto sucesso nos anos vindouros, o termo só se tornou comum no séc XVII.

Hoje em dia, a venda e impressão de jornais atinge diariamente novos mínimos devido ao forte impacto de indústrias emergentes como a televisão e a internet.

→ Rádio ( Séc. XIX )

A criação do rádio foi atribuída a Nikola Tesla que, no final do séc. XIX, desenvolveu a tecnologia que possibilita a transmissão de ondas de rádio. Estas ondas são refractadas na camada mais baixa da atmosfera, a troposfera, a mais indicada para a transmissão de ondas electromagnéticas.No séc. XX, o rádio impõe-se como um meio de comunicação muito importante nas comunicações a longa distância.

Uma estação de radiocomunicações é o sistema utilizado para executar contatos à distância entre duas estações. É composta basicamente por um transceptor (transmissor-receptor) de radiocomunicações, uma linha de transmissão e a antena propriamente dita. A este sistema dá-se o nome “sistema irradiante”.

A radiodifusão é uma emissão comercial, que ocorre apenas por transmissão de sinais, sem sua transcepção. Geralmente não há recursos disponíveis nas estações que operam em modulação em amplitude (AM): apenas o importante rádio digital, um importante ganho para esse tipo de estação. Recursos tais como som estéreo e Radio Data System (RDS) ainda são exclusividade das estações que operam em modulação em frequência (FM).

→ O Telefone ( Séc. XIX )

Apesar de existir alguma controvérsia em torno da questão de quem inventou o primeiro telefone, Antonio Meucci foi segundo o congresso dos EUA, o “verdadeiro” inventor do telefone. Esta polémica deve-se ao facto de Meucci ter vendido, em 1870, a patente da sua criação a Alexander Graham Bell, considerado por muitos o verdadeiro inventor.

Este dispositivo foi apelidado por Meucci por “telégrafo falante” porque, apesar de ser baseado no mesmo principio do telégrafo, este, ao contrário do telégrafo, permite o envio de voz a longas distâncias.

→ A Televisão ( Séc. XX )

A televisão é um sistema de recepção de imagens e som desenhado para transmitir informação a qualquer ponto do globo sem perda de informação e qualidade.
 Este dispositivo funciona a partir da conversão de som e luz em ondas electromagnéticas que, posteriormente, serão transmitidas para outro receptor.

Actualmente, este é dos meios de comunicação mais requisitados visto que, quase diariamente, existem novas e melhores opções disponíveis para quem quer usufruir de um home cinema privado, divertir-se no seu tempo livre ou apenas manter-se informado.

→ A Internet ( Séc. XX )

A Internet é definida como uma rede que reúne todos os dispositivos ligados a esta. Este mecanismo permite que estes aparelhos comuniquem e partilhem informação entre eles.
 A Internet é o meio de comunicação mais utilizado e mais conhecido actualmente. Isto deve-se ao facto de, através de qualquer computador ou dispositivo móvel ser possível aceder a “todo o Mundo”.
 
 A Internet começou por ser, no seu nascimento, uma rede virtual que interligava dezenas de computadores. Nasceu com o principal objectivo de tornar o trabalho nas empresas mais facilitado pela capacidade de comunicação entre os seus funcionários.

Hoje em dia, a Internet, além de permitir aceder a milhares de milhões de websites que vendem desde roupa a peças de mobiliário é também um negócio. Um negócio dominado pelas empresas mais poderosas do Mundo como a Google, a Apple e a Microsoft.

“Se queres conversar comigo, define primeiro os termos que usas”.-Voltaire

Bibliografia:

https://pt.wikipedia.org/wiki/R%C3%A1dio_(telecomunica%C3%A7%C3%B5es)

https://www.colegioweb.com.br/curiosidades/meios-de-comunicacao-ao-longo-da-historia.html

https://sites.google.com/site/fctunlcomunicacao/evolucao

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.