Carne a vista

Esquece esses carnês 
Esquece, pois carne és
E se não cuidas 
Apodrece
Perece 
E torna-se exaurida