Precisamos falar de crianças e livros

Alguém precisa tomar a atitude de semear livros e colher filhos inteligentes

Amanhã, 12 de outubro, o Brasil comemora o dia das crianças. Para este dia, o comércio de brinquedos e moda infantil se prepara muito bem. E as livrarias? Não tão bem assim... Pais e mães dão presentes como brinquedos, roupas, aparelhos de tecnologia, mas é bastante difícil ver filhos ganhando livros.

É um fato preocupante, pois, na era em que vivemos, tomar um livro para leitura deleite já não é mais comum muito menos desejado. As crianças estão desprezando os livros e tornando-se amantes de tudo que não pode ajudar muito quando adolescentes e adultos.

Para que uma criança tenha o gosto pela leitura, os pais precisam urgentemente, implantar o hábito de ler em casa.

Como?

É bem fácil...

  • Compre ou alugue bons livros e deixe-os em casa
  • Leia na frente dos filhos ou de outras crianças
  • Ofereça livros e diga o quanto eles são importantes
  • Se a criança não souber ler, leia em voz alta de maneira apreciativa e interessante

Com hábitos assim, logo, logo seus filhos começarão gostar da leitura. É um mundo fantástico e vislumbrante! Ninguém começa ler e ser fanático em leitura da noite para o dia. É uma construção social e inserção no cotidiano das pessoas.

Mas para que isso aconteça alguém precisa tomar a atitude de semear livros e colher filhos e crianças inteligentes, com pensamentos críticos e gostos refinados para obras e textos.

Oh! Bendito o que semeia
Livros à mão cheia
E manda o povo pensar!
O livro, caindo n'alma
É germe – que faz a palma,
É chuva – que faz o mar!
Castro Alves

Ahh... Ler jornal também é excelente! Tem o caderno de cultura, que contém linguagem simples e popular. As histórias em quadrinhos e outros gêneros que podem ser do interesse infantil.

Vamos presentear nossas crianças com livros?

Like what you read? Give Kayro Ribeiro a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.