Décimo Quarto Domingo do Tempo da Trindade

21 de agosto de 2016 — (Próprio 16)

Matthias Gerung (1500–1570), Ottheinrich-Bibel, Bayerische Staatsbibliothek, Cgm 8010

Quando clamamos a Deus, ele responde. 
O nosso Deus é misericordioso e justo, lento para a cólera e cheio de amor. Deus é um fogo consumidor; o seu reino não pode ser abalado. 
Através do seu poder, ele cura todas as enfermidades. 
Thomas Oden, Ancient Christian Devotional

Isaías 58: 9b-14
Salmo 103: 1–8
Hebreus 12: 18–29
Lucas 13: 10–17

Preparação

Deus do sábado,
que a tua cura comece,
que o teu nome seja louvado,
que as tuas obras santas sejam feitas neste dia.
Liberta-nos de tudo o que nos prende e nos aflige,
para que possamos ficar de pé
e louvar o teu nome!

Salmo

Salmo 103: 1–8
Salmo de Davi

Ó minha alma, bendize o SENHOR, 
 e todo meu ser bendiga seu santo nome.
Ó minha alma, bendize o SENHOR,
 e não te esqueças de nenhum dos seus benefícios.

É ele quem perdoa todas as tuas iniquidades, 
quem sara todas as tuas enfermidades,
quem resgata da cova a tua vida,
 quem te coroa de amor e de misericórdia, 
 
quem te supre de todo bem, 
 de modo que tua juventude 
 se renova como a da águia.

O SENHOR executa a justiça
 e defende todos os oprimidos.

Manifestou seus caminhos a Moisés, 
 e seus feitos, aos filhos de Israel. 
O SENHOR é compassivo e misericordioso;
 demora para irar-se e é grande em amor.

Oração

Criador de tudo, tu nos formaste à tua imagem 
e nos encheste de fôlego vivificador.
Nós te bendizemos: até mesmo o teu nome é santo.
Redentor de tudo, nos resgataste e nos curaste, 
nos restauraste e nos perdoaste.
Lembramo-nos das tuas bênçãos com louvor agradecido.
Sustentador de tudo, sintoniza a própria fibra do nosso ser 
para ressoar com as canções dos anjos.
Juntamo-nos ao hino de toda a criação, te louvando,
Pai, Filho e Espírito Santo, um só Deus para sempre. Amém.

Primeira Leitura

Isaías 58: 9b-14

Se tirares o jugo, o dedo acusador 
e o falar com falsidade do meio de ti;
e se abrires a alma ao faminto, 
e fartares o aflito, a tua luz nascerá nas trevas 
e a tua escuridão será como o meio-dia.
O SENHOR te guiará continuamente, 
te fartará até em lugares áridos e fortificará os teus ossos. 
Serás como um jardim regado e como um manancial, 
cujas águas nunca faltarão.
E os que procederem de ti edificarão as ruínas antigas; 
tu levantarás os fundamentos antigos 
e serás chamado reparador da brecha 
e restaurador de ruas para habitação.
Se evitares que o teu pé profane o sábado 
e deixares de cuidar dos teus negócios no meu santo dia; 
se chamares agradável o sábado, 
e digno de honra o santo dia do SENHOR; 
se o honrares, não seguindo os teus caminhos, 
nem te ocupando dos teus negócios, 
nem falando palavras vãs,
então te alegrarás no SENHOR, 
e eu te farei cavalgar sobre as alturas da terra 
e te sustentarei com a herança de Jacó, teu pai. 
Foi a boca do SENHOR que o disse.

Confissão/Oração

Tem misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua bondade*
apaga os meus pecados, segundo a multidão de tuas misericórdias.
Lava-me completamente de minha maldade*
e purifica-me do meu pecado.
Porque reconheço os meus erros*
e meu pecado está diante de mim.
Santo Deus, Santo Onipotente, Santo Imortal*
tem piedade de nós.

Doxologia

Demos glória a Deus Pai onipotente 
e a seu Filho, Jesus Cristo, Senhor nosso, †
e ao Espírito que habita em nosso peito *
pelos séculos dos séculos. Amém.

ou

A Deus, supremo Benfeitor,
Anjos e homens dêem louvor;
A Deus o Filho, a Deus o Pai,
E a Deus Espírito, glória dai. Amém.

Ofertório

Nós te louvamos, Deus bendito,
por nos incluíres em teu plano
de purificar e preparar um reino para o teu povo,
de construir e de plantar esse reino em nosso meio.
Que estes dons sejam usados na tua direção
de estabelecer o teu reino que não pode ser abalado.

Segunda Leitura

Hebreus 12: 18–29

18 Ainda não chegastes ao monte palpável e em chamas, à escuridão, às trevas, à tempestade, 19 ao ruído da trombeta, ao som das palavras, que os que as ouviram suplicaram que não se lhes falasse mais; 20 porque não podiam suportar o que lhes era ordenado: Mesmo um animal, se tocar no monte, será apedrejado. 21 E a visão era tão terrível, que Moisés disse: Estou aterrorizado e trêmulo.

22 Mas tendes chegado ao monte Sião, à cidade do Deus vivo, à Jerusalém celestial, ao incontável número de anjos em reunião festiva;* 23 à igreja dos primogênitos registrados nos céus, a Deus, o juiz de todos, aos espíritos dos justos aperfeiçoados; 24 a Jesus, o mediador de uma nova aliança, e ao sangue da aspersão, que fala melhor do que o sangue de Abel.

25 Cuidado para não rejeitardes aquele que fala. Porque, se não escaparam os que rejeitaram quem os advertia sobre a terra, muito mais nós, se nos desviarmos daquele que nos adverte dos céus. 26 A sua voz abalou então a terra, mas agora ele prometeu, dizendo: Ainda uma vez abalarei não só a terra, mas também o céu. 27 Ora, estas palavras “Ainda uma vez” apontam para a remoção de coisas que podem ser abaladas, ou seja, as coisas criadas, para que permaneçam as inabaláveis.

28 Por isso, recebendo um reino inabalável, sejamos gratos e, dessa forma, adoremos a Deus de forma que lhe seja agradável, com reverência e temor; 29 pois o nosso Deus é fogo que consome.

Evangelho

Lucas 13: 10–17

10 Jesus estava ensinando numa das sinagogas no sábado. 11 E estava ali uma mulher que tinha um espírito que lhe causava uma enfermidade já por dezoito anos; ela andava encurvada e não conseguia endireitar-se de modo algum. 12 Vendo-a, Jesus a chamou e lhe disse: Mulher, estás livre da tua enfermidade; 13 e impondo-lhe as mãos, ela se endireitou na mesma hora e passou a glorificar a Deus.

14 Então o chefe da sinagoga, indignado porque Jesus havia curado no sábado, tomando a palavra, disse à multidão: Há seis dias em que se deve trabalhar; então vinde nesses dias para serdes curados, e não no dia de sábado.

15 O Senhor, porém, lhe respondeu: Hipócritas! No sábado cada um de vós não desprende da estrebaria o seu boi, ou jumento, para levá-lo para beber? 16 E esta filha de Abraão, a quem Satanás mantinha presa por dezoito anos, não devia ser solta desta prisão, no dia de sábado?

17 E, dizendo ele essas coisas, todos os seus adversários ficavam envergonhados; e todo o povo se alegrava por todas as coisas gloriosas que ele fazia.

Credo Apostólico

Creio em Deus Pai Todo-poderoso, Criador do Céu e da Terra,
e em Jesus Cristo seu único Filho, nosso Senhor,
o qual foi concebido por obra do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria,
padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado, desceu ao Hades; ressuscitou ao terceiro dia,
subiu ao céu, e está sentado à mão direita de Deus Pai Todo-poderoso,
donde há de vir a julgar os vivos e os mortos. 
Creio no Espírito Santo,
na santa Igreja Católica, na comunhão dos santos,
na remissão dos pecados,
na ressurreição do corpo,
e na vida eterna. 
Amém.

Coleta

Ó Deus Misericordioso, concede que a tua Igreja, unida pelo Espírito Santo, manifeste o teu poder entre todos os povos, para a glória do teu nome. Mediante Jesus Cristo, nosso Senhor, que vive e reina contigo e com o Espírito Santo, um só Deus, agora e sempre. Amém.

Bênção

Assim como Deus vos consagrou pelo Espírito Santo para fazer boas obras, falar a verdade, e viver na esperança da vinda do reino,
ide e mostrai a vida de Cristo para o mundo em vossa vida, em vosso trabalho e em vosso testemunho.


Notas:

Hebreus:
12.18–20 Êx 19.12,13
12.21 Dt 9.19
12.26 Ag 2.6
12.29 Dt 4.24

NVI: goo.gl/OLfBNh