WEBTOON Series — Siren’s Lament

Como primeira série dentre as que leio do WEBTOON que eu farei um pequeno resumo e review escolhi Siren’s Lament.

Siren’s Lament é uma série de romance escrita e desenhada por instantmiso (Twitter da autora aqui), que já tem uma longa estrada no site, tendo publicado outra série de romance, Where Tangents Meet, que foi um grande sucesso de popularidade. Falarei de seu trabalho anterior no futuro. Já era fã da autora no tempo em que Where Tangents Meet era publicado e automaticamente comecei a ler Siren’s Lament quando começou e não há arrependimentos, a autora continuou com o alto nível, em uma história extremamente envolvente e com um traço excelente.

Siren’s Lament conta a história de Lyra, uma garota que administra uma loja de flores que ela herdou de sua avó, que passava sua vida de forma bem tranquila até se encontrar acidentalmente com Ian, um tritão misterioso que, ao salvar a vida de Lyra, lhe transmite também uma maldição que irá transformar a vida de Lyra, forçando ela a relembrar memórias do passado e ao mesmo tempo colocar o seu futuro em cheque.

O que eu mais acho bacana em Siren’s Lament é a forma como a autora consegue balancear o desenvolvimento dos três personagens principais da série: Lyra, Ian e Shon e também o balanço entre estes três personagens. Lyra e Shon se conhecem desde criança e possuem um relacionamento, digamos, especial. Ian chega para desequilibrar e colocar o relacionamento deles em cheque. Fica difícil falar sem dar spoilers, mas o balanço entre o desenvolvimento deles e dos personagens em si é muito interessante.

Tudo, claro, gira em torno da vida amorosa de Lyra, seu passado, presente e futuro. Fica difícil de imaginar que a vida da Lyra tenha algo de anormal no início, mas ela é uma personagem extremamente profunda. Ao mesmo tempo, a sua doçura faz com que você sempre torça por ela. Muito da complexidade do personagem da Lyra tem relação com o Shon, assim, ele também é um personagem bastante interessante, que entende a Lyra tanto quanto nós (ou seja, pouco), mas ele tenta… Ian é bem bobo da corte, os momentos engraçados da série é com ele, sem dúvida, mas ele também esconde uma história mergulhada em mistérios sobre a maldição e suas próprias intenções em relação a Lyra.

Nos aspectos técnicos, instantmiso mostra toda a sua experiência, com um trato impecável com a narrativa, introduzindo elementos novos gradualmente, deixando questões na mente do leitor, surpreendendo a cada capítulo. O traço da série também é sem comentários, foi, afinal, o que me atraiu para a sua obra anterior em primeiro lugar. Não há o que reclamar nesse quesito.

Recomendo Siren’s Lament para todos que gostam de um romance que não confia muitos em clichês e sabe ser bastante original. Fica até difícil de acreditar, mas é isso mesmo, Siren’s Lament consegue ser um romance com toques de fantasia, que apesar disso consegue fluir de forma natural, sem exageros e de maneira bastante original. Expectativa garantida a cada semana.