5 alternativas para Naby Keita

Depois de ver duas propostas recusadas pelo RB Leipzig, o Liverpool abandonou — nessa janela — o interesse em Naby Keita. O guineano ainda pode aterrizar em Anfield num futuro próximo, pois existe uma cláusula de rescisão de £48m em seu contrato, que entra em vigor no próximo verão. No entanto, o Liverpool ainda tem uma temporada pela frente para se preocupar e listamos alguns nomes que poderiam reforçar o meio-campo de Jürgen Klopp.

Todos os nomes citados a seguir são sugestivos e em nenhum momento estamos insinuando que existe algum tipo de negociação ocorrendo entre clube e jogador.

Leon Goretzka — Schalke 04

Abrimos nossa lista com um Alemão, pra variar. Leon Goretzka impressionou durante a campanha vitoriosa da seleção Alemã na última Copa das Confederações e tendo mostrado seus talentos em âmbito doméstico e internacional, o meio-campista de 22 anos com certeza não passou despercebido aos olhos de Klopp.

Com 1.89 de altura, Goretzka adicionaria muito fisicamente ao meio-campo do Liverpool e sua habilidade de quebrar linhas avançando com a bola nos pés, utilizando muito de sua força, seria uma adição muito interessante para os rankings da equipe.

Um alemão a mais não cairia nada mal…

Leon ofereceria algo parecido com o que Emre Can faz atualmente, mas o atual jogador do Schalke dispõe de mais inteligência e disciplina tática que o seu companheiro de seleção.

Goretzka também é uma arma ofensiva. Foram 10 gols na última temporada, incluindo os dois tentos marcados na Copa das Confederações, e 4 assistências para gol. Nenhum meio — campista do Liverpool quebrou a barreira dos dois dígitos de gol em 15/16.

Entrando em seu último ano de contrato, o Schalke 04 corre o risco de perder o jogador de graça e estaria disposto a vendê-lo nessa janela para evitar um prejuízo ainda maior. Algo entre £25m e £30m pode ser o bastante para trazer Goretzka para Merseyside.

Mateo Kovacic — Real Madrid

Mateo Kovacic já foi alvo de interesse do Liverpool quando era jogador da Inter de Milão e os Reds fariam muito bem em reviver esse interesse no Croata.

Com um meio-campo repleto de estrelas, incluindo o seu compatriota Luka Modric — simplesmente o melhor meio-campista do mundo — Kovacic teve problemas para se firmar como titular em Madrid, mas mostrou muito talento quando teve chances. Com as chegadas de Dani Ceballos e Marcos Llorente, Mateo terá ainda mais concorrência na posição e pode querer rumar para um novo desafio, onde possa jogar regularmente.

Kovacic é extremamente talentoso, mas precisa estar em campo mais vezes para demonstrar isso.

Com um passe muito refinado, dribles simples e efetivos e o fato de ser um jogador extremamente difícil de desarmar, Mateo Kovacic é perfeito para a função de box-to-box, fazendo a transição entre a defesa e o ataque.

Para dar certo na Premier League, no entanto, Kovacic teria que ganhar massa muscular, pois sua natureza franzina faz dele um alvo para jogadores mais físicos e ele também tende a perder batalhas aéreas.

Com tantas opções para a posição, o Real Madrid, provavelmente, não ficaria no caminho do jogador, caso ele quisesse sair, mas também faria jogo duro para lucrar com o jogador no qual investiram €31m.

Renato Sanches — Bayern München

Outro jogador que já demonstrou muito talento mas teve problemas para encontrar seu espaço em um time repleto de estrelas é Renato Sanches. Após uma grande temporada pelo Benfica, seguido de uma ótima Eurocopa, Sanches fez suas malas e desembarcou em Munique. No entanto, com apenas 19 anos de idade, Renato teve problemas de adaptação e, rodeado de estrelas, viu suas chances reduzidas.

Renato Sanches é um meio-campista extremamente dinâmico, confortável com a bola nos pés e muito confiável defensivamente. Operando na função de box-to-box, o Português é um ótimo driblador e possui um chute de média/longa distância muito perigoso. No mano a mano, ofensiva e defensivamente, ele é mais do que capaz de levar vantagem sobre seu oponente e sua energia e work-rate são altos o bastante para se encaixar no sistema de pressing de Jürgen Klopp. Renato é um diamante a ser lapidado e tem todos os atributos necessários para ser um World Class, mas precisa de alguém para ajudá-lo no processo.

Com a recente contratação de Tolisso, imagina-se que o Bayern estaria disposto a emprestar o meio-campista Português, possibilitando que o Liverpool tenha uma ótima alternativa para a temporada que começará no mês que vem e possa voltar a perseguir Naby Keita no próximo verão.

Jean Michael Seri — Nice

Provavelmente o nome que menos te animará nessa lista, Jean Michael Seri é o jogador que mais se aproxima de Naby Keita, em termos de característica e seria uma ótima alternativa a ser considerada.

Apesar de não ser tão driblador quanto Keita, Seri é extremamente criativo e possui uma qualidade de passe extremamente refinada. Seu preparo físico e trabalho defensivo também são notáveis, além de um ótimo arremate e cobranças de falta perigosas para o gol adversário.

Seri ainda é capaz de operar em qualquer posição do meio-campo. Um primeiro volante que cobre boa parte do campo, um box-to-box que aparece como um elemento surpresa ou um criador, jogando atrás dos atacantes? Ele é capaz de fazer todas as funções.

Aos 25 anos, o marfinense fez uma grande temporada e está pronto para voos maiores, com Arsenal e Tottenham tendo sido linkados com o jogador. O Nice, obviamente, não tem muito poder para segurar um jogador dessa qualidade por tanto tempo e o Liverpool faria bem de entrar na briga por Jean Michael Seri.

Marko Grujic — Liverpool

Após uma primeira temporada assombrada por lesões, Marko Grujic voltou a impressionar na pré-temporada atual e tê-lo como uma opção daqui pra frente é quase como uma nova contratação. Klopp e seu staff claramente tem muita confiança no jovem Sérvio e com um calendário tão cheio, Marko terá chances de cravar seu lugar nos planos de Jürgen.

Alto, forte, técnico e de bom arremate, Grujic tambem pode fazer uma variedade de posições no meio-campo e o jogador é surpreendentemente móvel para alguém do seu tamanho, fazendo dele alguém muito difícil de marcar.

Caso Grujic consiga adicionar consistência ao seu jogo, suas qualidades não devem ser subestimadas e o camisa 16 pode vir a ser uma das grandes surpresas da temporada.