Com oito vitórias e cinco derrotas, o Atlanta Falcons lidera a divisão sul da NFC (Divulgação: Atlanta Falcons)

Matt Ryan merece o prêmio de MVP da NFL?

Neste ano na NFL, nenhum atleta desponta como favorito para vencer o prêmio de Most Valuable Player (MVP), que significa o jogador mais valioso da liga. Ainda assim, bons nomes são cotados para vencer o troféu após a temporada, como: o quarterback (QB) calouro do Dallas Cowboys, Dak Prescott; QB do New England Patriots, Tom Brady; quarterback do Oakland Raiders, Derek Carr; running back (RB) do Cowboys, Ezekiel Elliott. O quarterback do Atlanta Falcons, Matt Ryan, é um nome forte, porém pouco divulgado pelos veículos de imprensa dos Estados Unidos. Ele está, discutivelmente, na sua melhor temporada da carreira.

Ryan sempre foi um QB sólido e confiável. Se os fãs fossem montar uma equipe dos sonhos com os nomes atuais da NFL, ele ficaria atrás de Tom Brady, Drew Brees, Aaron Rodgers etc, mas neste ano isso mudou um pouco. Ryan possui 68.3% dos passes completos, 4.050 jardas de passe, 30 touchdowns e sete interceptações. Seu rating, um número que é resultado de um cálculo de todas as ações do QB durante a partida é de 113.2.

Uma estatística precisa criada pelo site Football Outsiders faz uma avaliação do desempenho do QB. Ela se chama defense-adjusted yards above replacement (DYAR) e, avalia a performance do QB comparado com o nível de seu substituto, ou seja, como a sua equipe jogaria caso ele não estivesse em campo. Este número também é ajustado pela situação de jogo e o oponente. Ele é representado em um número de jardas. Esta estatística é explicada no site do Football Outsiders por este link. O número de Matt Ryan é 1.485. Em segundo lugar vem Derek Carr, do Raiders, com 1.088; em terceiro Dak Prescott, do Cowboys, com 1.066; em quarto Tom Brady com 1.022. Isso demonstra como Ryan é importante para o ataque do Atlanta Falcons que é um dos mais explosivos da NFL e mantém o maior número de pontos marcados por partida com 32.9 em 2016.

Em 2016, Ryan tem a média de 9.2 jardas de passe por tentativa (Divulgação: Atlanta Falcons)

Outra estatística interessante, também feita pelo pessoal do Football Outsiders, é a defense-adjusted value over average (DVOA). Ela representa o valor do atleta, por jogada, comparado com o desempenho médio de um quarterback nas mesmas situações de jogo. Quanto mais positivo é o número, melhor a performance do jogador. A explicação para a estatística está neste link. O QB do Falcons lidera no quesito DVOA com 36.7%; em segundo lugar vem Tom Brady com 34.6%; em terceiro Dak Prescott com 29.5%; em quarto Derek Carr com 21.6%. Outro número mais conhecido dos fãs da NFL é o Total Quarterback Rating (QBR) criada pela ESPN. Este número pode ser explicado neste link. Em primeiro lugar fica Tom Brady com 82.4; em segundo Dak Prescott com 81.2; em terceiro Matt Ryan com 81.1; em quarto Derek Carr com 60.7.

O atleta jogou em todas as partidas da equipe do Falcons nesta temporada. A especulação para Tom Brady vencer o prêmio de MVP ficou mais forte após a vitória contra o Baltimore Ravens, que possui uma das melhores defesas da NFL, na última segunda-feira, pelo placar de 30 a 23. Porém, o que incomoda é que Brady não jogou as primeiras quatro partidas por causa de suspensão. O quarterback do Patriots possui um rating maior que o de Ryan por 0.4 pontos, são 113.6 de Brady contra 113.2 do QB do Falcons. É injusto o líder do ataque do Falcons estar no mesmo nível de Brady nesta temporada, até melhor, discutivelmente, e perder o prêmio para um atleta que jogou quatro jogos a menos no ano.

Ryan conta com dois bons WRs: Taylor Gabriel (18) e um dos melhores da NFL na posição, Julio Jones (11) (Divulgação: Atlanta Falcons)

Ryan está em sua nona temporada na NFL e foi três vezes para o Pro Bowl, o jogo das estrelas da NFL, em 2010, 2012 e 2014. Conhecido pelo apelido Matty Ice, por causa de sua calma e do desempenho quando está sob pressão, o líder do ataque do Falcons é inteligente, estratégico e faz ótimas leituras da defesa. Além disso, é preciso nos passes e trabalha muito para melhorar os seus atributos. O desempenho de Matty Ice também tem o auxílio do coordenador ofensivo Kyle Shanahan, que mantém o mesmo esquema de ataque do pai, Mike, e sempre procura vantagens dos seus atletas de ataque sobre os de defesa em campo. A performance de Ryan nesta temporada também foi discutida porque Atlanta possui um dos melhores wide receivers (WR) da NFL, Julio Jones. Com certeza, Jones auxilia muito no desempenho de Ryan. Porém, por exemplo, na partida do último domingo contra o Los Angeles Rams, Jones ficou de fora por uma lesão no pé. Mesmo sem o principal alvo, Ryan acertou 64.3% dos passes, teve 237 jardas, três touchdowns e o rating de 126.6. O entrosamento com o ataque e o conhecimento do esquema de Shanahan são chave para o desempenho de Ryan. Hoje ele merece ser o MVP da NFL.