"1. Amor não me domestica os olhos.
2. Solidão não me chantageia os dias.
3. Acusador não me incendeia o bastante.
4. Desaprovar não me negocia as verdades.
5. Rejeição não mutila o meu corpo.
6. Família não me desautoriza as asas.
7. Igreja é aquilo que ri e dança ao ar livre.
8. Insegurança não cancela o sonho.
9. Pau só me governa quando eu peço.
10. Palavras duras são lidas do avesso.
11. Orgasmo raso não sustenta o laço.
12. Minha estrela brilha mais que a violência.
13. Voltar atrás é sobre seguir em frente.
14. Paixão é selva que tenho e não me tem.
15. Homem é bicho que faço e não me faz.
16. O sagrado desescolariza meus átomos.
17. Perdoar move o músculo de reaver-se.
18. Permitir-se exorciza velhos cabrestos.
19. Mulheridade é tema do meu reinvento.
20. Amanhã é aquilo que não me mete medo.
21. Oração convoca o panteão de dentro.
22. E para tudo o que me desafiar o útero,
resolver o mundo íntima do espelho."

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.