Eu quase te amei

Através seu de corpo eu fugi
“Você nunca soube”, ela disse
Todos me ouviram, e ouvem ainda
“Todas as coisas te traem”, e eu também irei

E sobre sua mão pousou minha mão
Esfriou-se o sol e águas correram
Como um chamado do abismo
Eu a nomeei meu amor

Eu caminhei à metade, à meia-noite
Para lançar um anel secreto no fogo
Nós fomos amantes por tão pouco tempo
E ainda assim eu fiquei tão bem em sua boca
Você e a noite escapam
Você está incompleta sem mim
Você se tornou grandiosa como a humanidade lhe fez
Uma estrela cadente, eu quase te amei

My dying Bride — i almost loved you (Feel the misery 2015)

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.