O pensamento suicida

Nem sempre as pessoas percebem que entre algumas pessoas, 2 pensa seriamente na morte. Sim, é uma situação que ocorre sempre, mas ninguém liga no tamanho que esse pensamento pode fazer, em não ver mais nenhuma alternativa de se livrar dessas dores invisíveis que assombra nossa sanidade.

O sentimento de se senti sujo, escuro, sem vida, sem brilho…

O medo de tirar a vida é saber o que vai acontecer depois, se existe mesmo o inferno e o céu, se finalmente as dores vão sumir. Mas a mente te cobra tanto sossego que você pensa logo em dormir eternamente, pois dormir, ainda é uma fuga do dia-a-dia que deixa nossa mente “tranquila”.

A vontade de querer tirar a vida sempre cresce quando ninguém quer te ajudar…

O ser humano ainda não sabe lidar com a tristeza até viver ela, quem ainda não viveu julga, olha torto, te trata estranho, te exclui da sociedade, você se exclui de tudo, pois nem o mais próximo consegue te entender.

É difícil, pois nem a família sabe e nem pergunta o porque de você entrar toda vez pro quarto quando chega da aula, e nem toca direito na comida pois você viu gente na hora da saída rindo de você. Vai dificultando cada dia, você se sente só e não tem mais como mudar.

A perseguição da mente te deixa assustado e você se sente culpado de tudo. Se sente lixo e fraco…

Com o tempo você só pensa em como explicar sua morte e como vai morrer, a insônia chega, travesseiro molhado de tanto chorar e a coragem de tirar a vida só aumenta.

Até que um dia, você nem consegue mais se levantar da cama, nem pra vida….

Os olhos fecham, tudo termina em nada….