Não me calo
Sou sangue e trovão
Tu es a calma e o relâmpago
Mas que porra é essa?
Em mim sai o som
Em você o silêncio
Na dupla se encontra
Quer me salvar?
Nos perdemos no
canvas da pintura
Adeus bordas.