‘Especialista’ do Fantástico que defendeu crianças tocando homem nu é militante do PT

Carlos Nicodemos, que faz parte da Comissão de Direitos Humanos da OAB, defendeu o direito fundamental das crianças de ter “acesso à cultura”, quando questionado sobre a exposição onde uma menina de 4 anos tocava um homem nu deitado no chão. O advogado também disse que a exposição não fere o Estatuto da Criança e do Adolescente.

Uma pesquisa rápida na internet sobre Carlos Nicodemos nos mostra dois fatos que resumem toda parcialidade do ‘especialista’ ouvido pelo Fantástico.

Na sua página no Facebook, Carlos se declara um “tricolor de esquerda”.

Em 2010, Carlos se lançou candidato ao cargo de Deputado Estadual pelo Partidos Trabalhadores (PT), mas teve apenas 6.321 votos e não foi eleito.

É assim que a velha imprensa empurra a narrativa globalista dentro da casa do cidadão brasileiro. Matérias tendenciosas, ouvindo apenas um lado e repleta de ‘especialistas’ esquerdistas tentando avançar agenda política a qualquer custo.

-

Com informações de: (1)