Eu sigo vivendo com meu café de um e cinquenta

http://cafeouronegro.com.br/5-cafes-com-leite-que-voce-pode-pedir-no-balcao/

Não é que tenho a melhor vida do mundo, mas o pouco que tenho já é suficiente para eu viver muito bem. Eu sei que é difícil se sentir totalmente satisfeito com nossa vida quando um amigo posta no Instagram várias fotos na praia. Eu sei que é difícil completar aquela sua tarefa estressante depois de ver uma foto de alguém sentado numa hamburgueria Hipster, comendo um hambúrguer suculento ao lado de várias pessoas descoladas. É difícil valorizar as pequenas conquistas diárias quando acabaram de postar uma foto do carro novo que ganharam.

A vida das pessoas nas redes sociais é sempre muito cool. As pessoas estão sempre sorrindo e vivendo coisas excepcionais.

Porém, a vida real não é assim.

Você vai ter que acordar as seis da manhã. Você vai tomar o café de um e cinquenta ao invés do Capuccino com chocolate belga do Starbucks. Não vai ter almoço vegano em restaurante conceitual . Sério! Você vai ter que se contentar com a marmita cheia do resto da janta de ontem. É difícil. Eu sei! Mas a vida é assim. E isso não quer dizer que nossa vida é pior do que a dessas pessoas. Talvez nós só não conseguimos olhar as coisas bonitas do nosso cotidiano. Talvez não percebemos que as coisas cotianas são privilégios que não mais olhamos com atenção. Isso por que a nuvem de graciosidades que as redes sociais nos mostra é densa demais pra nos deixar olhar. E assim a gente segue sonhando e ter a vida perfeita do Youtuber ao invés de agradecer por tudo de bom que passamos.

Por que talvez, se durante o seu café de um e cinquenta você parasse e observasse o sol nascer ao fundo, perceberia que sua vida também está repleta de coisas ótimas. Por que a sua faculdade pode ser muito mais legal do que você pensa. Sua marmita pode ser até melhor do que o tal restaurante. Talvez as pessoas que estão ao seu lado são incríveis, mas você não percebe isso por que está todo o tempo pensando em como as coisas poderiam ser diferente. As vezes nós projetamos tanto um futuro perfeito que nos esquecemos de tentar fazer o presente ser o melhor possível.

Antes de acabar, quero lhes dizer que não é necessário terminar a faculdade, arrumar emprego, comprar um apê no bairro descolado para ser feliz. É possível ser feliz aqui e agora. Aproveitando todas as pequenas coisas e todos os cafés de um cinquenta que a vida nos dá. O nosso café pode ser muito mais doce, basta nós sabermos adoçá-lo. Por que as vezes mudar o ponto de vista nos faz observar que a nossa vida é tão excelente quanto a dos amigos das redes sociais. Cabe a nós perceber as coisas bonita e agradecer todos os dias pelo cafezinho de um e cinquenta.