O UFC 214 tem confronto de reis pelo trono

O confronto entre Daniel Cormier e Jon Jones é um dos mais pessoais do UFC. Créditos: ESPN

É um dos embates mais aguardados dos últimos meses no UFC. Daniel Cormier volta a enfrentar Jon Jones num dos combates mais pessoais de que temos memória.

Esta tem sido uma das rivalidades mais pessoais do UFC. O UFC 214 vai marcar o segundo embate entre Daniel Cormier e Jon Jones e é pelo título de Light Heavyweight.

De um lado temos Cormier sedento pelo ajuste de contas que ainda não teve e do outro Jones um dos ‘Bad Boy’ do UFC que apesar dos percalços na sua carreira tem encontrado forma de se manter como um dos lutadores mais fascinantes na companhia.

Apesar de tudo isso uma coisa parece clara. Ambos os lutadores são actualmente os dois reis da divisão de Light Heavyweight do UFC. Mas o trono não tem espaço suficiente para conseguir alojar estes dois no mesmo local. E é este ajuste de contas associado à enorme animosidade que torna as coisas muito mais intensas.

Esta é a oportunidade para Cormier voltar a se testar nesta divisão frente a alguém que lhe tem atormentado durante muito tempo. Se Cormier vencer o triunfo terá um sabor especial nem que seja o da confirmação, se dúvidas existiam, como um dos lutadores mais marcantes dos tempos contemporâneos no UFC.

Foi preciso aguardar muito tempo, talvez demasiado, até termos um novo confronto entre Cormier e Jones. Ambos travaram forças no UFC 184 com vitória para Jon Jones.

Mas estes lutadores estavam programados para voltarem a entrar em rota de colisão. Mas o caminho para aqui chegar foi bem tortuoso. No UFC 197 tudo caiu por terra devido à lesão de Cormier que o obrigou a se retirar do combate.

O último dos episódios desta intensa rivalidade veio no UFC 200. Depois de meses de ‘hype’ no dia anterior ao confronto vinha a notícia. Jon Jones acusava positivo, num controlo anti-doping, e de um momento tudo estava cancelado. O futuro nessa altura ficava ainda mais incerto sobre se alguma vez veríamos estes dois a batalhar no UFC.

O UFC 214 volta a reunir mais uma vez estes dois lutadores. E por aquilo que tem acontecido na aproximação ao confronto já ficou claro que quando se encontram frente a frente os ânimos fervem. Independentemente de quem vença o combate uma coisa é clara o triunfo terá um sabor bem especial.