Subtendido

Respirar, para não infartar quando eu via você. Era de contar até 10 e pensar vou ou não lá , puxar uma conversar, procurar motivos, vai que ele gosta também, que dessa vez da certo e vai além do platônico. Mas cadê a coragem? Porque tanta complicação coração?

Existe um problema que é gostar e não conseguir contar/confessar a quem deve saber, todos os outros sabem . Há tantos medos ao redor, é sempre uma dúvida atrapalhando o passo e por fim já não existe caminhar. Quando eu escuto a música “ Oração” do Léo Fressato , concordo com absolutamente tudo, realmente não é tão simples quanto penso, ou eu não sou simples. Alias acho que ninguém é. “ Todo ser é um universo” .

O problema do subtendido é que ele doí tanto, porque carrega um peso no medo de confessar, e de não ser aceito e compreendido. Os três dos piores medos de todo humano carregado em um só coração. E sei que amor compartilhado é pra quem tem coragem, e é bem melhor . Amores solitários pesam , são bonitos, são profundos, mas , algumas vezes egoístas, individualistas e curtos.

Lulu Santos estava certo quando diz — “ Pode até parecer fraqueza” ,porque todo amor é em sim uma fraqueza. A mais bonitas das, inclusive. Pode se amar sozinho, mas relacionamentos só se faz com dois ou mais. Com base nessa confusão que , de quando em vez, insisto em participar, criei até uma playlist na Deezer com esse tema e aqui deixo algumas das músicas que não podem faltar , nessa trilha sonora subtendida.


Nada a ver
A gente disfarçar
Se o brilho no olhar
Não para de dizer
Que eu quero você
Não para de soprar
Que a gente tem par
Não vai silenciar
“ Sinto que você é ligado a mim
Sempre que estou indo, volto atrás
Estou entregue a ponto de estar sempre só
Esperando um sim ou nunca mais”

Todos os amores fazem lindas canções. Os subtendidos lindas poesias. Porém amar é um verbo de ação , não sobrevive de palavras ❤

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Que Isso?’s story.