6 erros de decoração de ambientes e como não cometê-los

Todos nós temos um “quê” de decorador, e nessa gana de fazer lindas combinações em nossa casa, muitas vezes fazemos exatamente o contrário, tornando o ambiente poluído ou com misturas inadequadas.

Pensando nisso, no post de hoje trouxemos alguns erros de decoração que você não deve cometer quando estiver aprimorando seus ambientes. Acompanhe com a gente.

1. O “parece ótimo”, mas é uma peça desconfortável do mobiliário

Esta peça de decoração é o equivalente mundial ao salto agulha: bonito, mas totalmente impraticável. Basicamente, não importa quão linda seja a aparência do móvel; se você não puder sentar-se, caminhar ou relaxar sobre ele, não é para você.

2. Tema excessivamente na moda

Aquilo parecia incrível na vitrine ou na revista onde você viu. Mas, já em sua casa… Entrou em choque com suas peças favoritas e pareceu totalmente estranho. Isso é muito comum de acontecer; por isso, o melhor é sempre se concentrar no que combina com seu estilo e com sua casa em geral.

3. Pintar todo um ambiente sem testar a cor antes

Algumas cores, especialmente as mais fortes, não ficam bem em todo tipo de ambiente. Você não pode pintar todo um espaço de verde-musgo, por exemplo, sem saber se vai combinar com a mobília, com a textura da parede, com os objetos e etc.

4. A compra do estilo de vida que não é o seu

Algumas pessoas ficam tão vidradas nas imagens que veem nas revistas que nem se dão conta que aquilo não se adapta ao seu caso. É como ter uma mesa de jantar enorme e você não usá-la. Ou a TV que pega metade de sua parede, enquanto na verdade tudo o que você quer fazer em sua sala de estar é ler. Monte sua decoração com coisas que são úteis no momento para você — não o que você acha que poderia querer um dia.

5. Abarrotar seu ambiente de objetos

Acredite, menos é mais, quase sempre. Colocar coisas demais no local pode congestionar o ambiente e deixar seu cômodo com um ar muito pesado. Analise tudo que você tem no espaço e veja o que realmente importa para você. Uma ótima coisa também é escolher móveis que cumpram mais de uma função para otimizar as coisas.

6. Tapetes muito curtos

O tapete, além de um objeto estético, tem outra função muito importante em um ambiente: setorizar o local; assim, tenha sempre isso em mente na hora da compra de um novo produto.

Na hora de medir o tamanho, o ideal é que ele fique cerca de 15 centímetros abaixo dos móveis, como o sofá, por exemplo. Porém, na hora de dimensionar, lembre-se de deixar a mesinha de canto fora da área do tapete, para que ela não fique bamba.

Esperamos que tenha gostado do nosso post de hoje e que essas dicas possam te ajudar a fazer sempre a melhor escolha na decoração de sua casa.

Ficou alguma dúvida sobre o tema? Tem mais sugestões de erros de decoração que não se deve cometer? Deixe seu comentário e participe com a gente!


Originally published at blog.cristallepresentes.com.br.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Silvio Couto da Silva’s story.