Por que não assistirei ArgxBra e (pelo menos por ora) mais nenhum jogo da “segunda era dunga”

Curioso como a gente acaba achando que todos entendem o contexto geral. Talvez eu tenha seguido no instagram muita gente que alinha pensamentos comigo sobre esse assunto e acabei esquecendo dos outros. Então, novamente esclareço: olhando a situação como um todo, fica bem mais fácil entender. A lógica é essa mesmo: enquanto dunga ficar, tudo parecerá certo e Thiago ficará de fora. A máxima "Em time que está ganhando, não se mexe" se aplica perfeitamente no caso. Com dunga, automaticamente significa sem Thiago.
Achar que o Thiago voltará a seleção sob a égide de dunga é, naquela brincadeira de encaixar formas, pegar o quadrado e tentar fazê-lo entrar pelo formato do triângulo. É público e notório que o treinador tem problemas de ordem pessoal (desde o jogo contra o Chile, ainda na Copa) com o Thiago e que tudo fez e armou até que o melhor zagueiro do mundo fosse execrado com a ajuda da opinião pública, fazendo disso uma muleta para não convocá-lo. Como o time não vem se desempenhando bem, alguns comentaristas esportivos começam a questionar essa posição do treinador, mas se os erros não estivessem aparecendo, seria pura ilusão que essas pessoas começassem a reivindicar o merecimento, mesmo sendo um jogador tão talentoso.
Sou brasileira acima de tudo, escolhi não ver o jogo por não pensar da mesma forma que o treinador. Ninguém tem o direito de me chamar do que for por causa disso. Minha opinião tem fundamento e não é meramente pra agradar ninguém. Faço isso por mim. Me faz mal ver os rumos que a minha seleção Pentacampeã (e eu vi os dois últimos títulos, tenho base pra dizer o que digo) está tomando. Bom jogo para quem for assistir.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.