Eyes Like Thunderstorms

(ou Como Nunca Vi Seu Rosto por Inteiro)

O rosto da tal moça é quase um mistério,

Se assemelha a um sonho, compostos por fragmentos.

Nunca o vi por completo, mas já o admiro.

Pequenas peças de uma obra maior

Mas não se engane. Cada uma tem seu brilho próprio

Olhos que se destacam como o brilho de uma luz no breu,

E aquele fragmento

Ah, o mesmo..

Eu olho pela janela e lá está a tempestade

Com seus raios, cortando os céus

Assim como ela atravessa os sonhos com seus passos

Cada passada, um trovão. Cada raio, é como se a lente dos seus óculos refletisse a luz

Quando será que esse quebra cabeça se juntará?

Quando todo o brilho se juntará?

Eyes like thunderstorms…

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.