O olhar através do sentir

Tudo pode parecer: Simples ou Complexo demais para quem as vê.

Todos nós temos a capacidade de ver, enxergar as coisas como elas parecem ser. Mas preste atenção, “Parecem ser”.

Como é possível que todos possam ver se existem os que possuem a deficiência visual (Cegos)?

Se talvez muitos não tenham percebido ainda, o ver não está apenas relacionado a sua capacidade ou não de enxergar uma: coisa, pessoa, paisagens nítida de cor: Clara, escura, quente ou fria.

Sabemos sim, porém não somos todos que os aceita por não serem, ou melhor, serem desprovidos dessa capacidade de visualizarem tudo.

Eles, mais ainda, mais que ninguém, visualizam até além do que nós mesmos.

Com apenas um toque, um sentido mais amplo (aguçado), um arrepio imprevisto ou toque na face, eles conseguem ver, enxergar com clareza nossas: dores, alegrias, rancores e tudo aquilo que não conseguimos, por mais simples que seja ou complexos também, que mesmo estando em nossa cara, em meio a nossa fuça cara de pau que temos, não vemos, eles… mesmo assim, enxergam.

Poder ouvir de um deles:

“Me conta o que está acontecendo com você.”

E dizer:

— Como sabes que está a acontecer algo comigo? Como percebes? Como enxergas a expressão em minha face se nem ao menos tens a capacidade de ver através do escuro?

E poder calar-me ao ouvir:

“Por através do sentir.”

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Viviane Matias’s story.