Para ser revolucionário basta pensar um pouquinho diferente do que dizem os jornais ou a TV. Basta ter um amor intenso pela arte, gostar de poesia, curtir anime japonês, frequentar um restaurante mexicano. Gente bem plural, bem diferente, que busca referências do frevo ao hardcore é assim… Revolucionária.
Comece uma pequena revolução
Ericka Moderno Rocha
1682

Pra fazer uma revolução em si hoje não é difícil, mas vejo dificuldade das pessoas em assumirem seus gostos mais “exóticos” com medo da aprovação ou desaprovação alheia.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.