Vende-se um coração partido

Hoje é um daqueles dias que você acorda querendo berrar, urrar, gritar, fazer sons desconhecidos de tamanha raiva, raiva de si mesmo, raiva da impotência, raiva da sua vida, depois só quer vender o coração partido, mas ninguém vai comprar, então pra evitar morrer de cirrose, hoje não quero um bar, só um ombro amigo pra poder chorar.