“I don’t want to be alone”

Desde o momento que levanto de minha cama meu corpo já se cansa, parece que durante meu sono, um demônio devora toda minha energia.

Minha vida é composta de inutilidades sem tamanho. Toda aquela sala cheia de cadeiras me faz se sentir preso a uma corrente… Não da para pensar, não da para ser livre, não da para sentir felicidade verdadeira, só consigo sentir a vontade de fugir e me deitar pelo resto dos meus dias.

Apesar de tudo isso, eu creio que sou feliz. Como um bom humano, eu luto para sobreviver, eu luto para conseguir dinheiro, eu luto para ter um amor e eu luto para não fazer parte dessa maquinofatura de idiotas que só querem curtir a vida e achar que no final alguém ira nos esperar com a pilula da felicidade eterna.

Apesar de tudo isso… Eu tenho medo de acordar sozinho

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Goldstein’s story.