Cobrança

Inúmeras vezes entro em confronto comigo mesmo, seja quanto a quem sou, quem estou me tornando ou quanto a como vou conduzindo minha vida.

Há dias que acordo e só consigo pensar nisso. Cobro muito de mim mesmo e espero muito mais de mim em momentos que não dependem unicamente de mim para que tudo possa dar certo.

Isso é péssimo, é corrosivo.

Me destrói por dentro, me deixando mal a ponto de não saber lidar, até que a única coisa que faço é ficar parado. Fico intacto e, por fim, como ultimo ato de desespero, deixo o vento levar o que me angustia.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.