Galáxia

Era uma vez o Jovem Júpiter

O maior sonho do Jovem Júpiter era ver além dos olhos

Ele acreditava no velho ditado

“Os olhos são a porta da alma”

Jovem Júpiter era sensível

Gostava de tudo com intensidade

Nunca sabia se era correspondido

Pois além do olhos nada via

Um dia Jovem Júpiter olhou no espelho

Tentou ver seus olhos

Mas só o que via era sua alma

Júpiter, não mais Jovem, entendeu.