Despedida

Aos poucos, pelo seu vestido florido e sorriso ao vento fui seduzido

Seduzido pela intimidade tua de falar do que não deu certo no passado

Bobo fui eu de acreditar nesse teu papo furado

Aqui não cabe nome

Só cabe vida a ser degustada e consumida até a ultima gota

Até as de suor que ficaram naquela cama de motel barato

E como me toma tempo rever as imagens refletidas no espelho sujo do teto

Só queria que você soubesse que te deixo ganhar

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.