O mundo jurídico está vendo a industria tecnológica alcançar novas aplicações com base no poderoso desenvolvimento da inteligência artificial, que caminha cada vez mais para ajudar o profissional que contribui com o exercício do direito.

O crescimento acelerado da capacidade de processamento dos computadores está abrindo novas portas e permitindo que grandes volumes de dados sejam processados de forma cada vez mais eficaz e veloz, até mesmo em tempo real. O desenvolvimento de novas ferramentas, como algoritmos capazes de processar dados por conta própria, vem sendo a chave que possibilita toda essa inovação. Com o resultado da analise de dados, o profissional pode descobrir o que é realmente relevante, obter insights para planejar a sua tomada de decisão.

Como a Jurimetria é auxiliada pelos avanços tecnológicos?

Diferente de tudo o que citamos na primeira parte do texto, a jurimetria não é algo novo, bastante pelo contrário, essa é uma ciência que já existia muito antes da popularização dos computadores. Como explica o professor Flávio Ulhoa Coelho, a jurimetria é um estudo estatístico realizado após a execução dos professos. Justamente por analisar processos semelhantes para perceber tendências acerca de decisões judiciais sobre os assuntos em questão.

Uma das principais dificuldades abordadas por Coelho é a falta de praticidade na coleta de dados, isso porque eles se encontram espalhados por inúmeras fontes e é necessário que eles sejam recolhidos e unidos para que sejam analisados, de nada adianta analisar os dados de maneira isolada.

Com os avanços tecnológicos, a mineração dos dados necessários se torna por vezes mais fácil. Imagine que anos atrás, quando tudo ainda era absolutamente analógico, era praticamente impossível realizar atividades que hoje conseguimos fazer em alguns segundos.

Like what you read? Give A.B. Jurimetria a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.