10 dicas para aprender a lidar (e como não lidar) com o Cão-guia

Separamos tudo o que você deve saber sobre o grande companheiro de uma pessoa com deficiência visual.

Descrição da imagem: vemos uma mulher do ombro para baixo com jaqueta cinza e calça amarela segurando uma bengala branca com a mão esquerda e a guia com o cão-guia, que é um labrador caramelo, com a mão direita.

Os animais de estimação têm um espaço muito importante em nossas vidas. Em especial os cães, foram escolhidos com o título de “melhores amigos do homem” e não deixam a desejar quando essa amizade se refere a uma pessoa com deficiência visual.

O cão-guia é muito mais que um bichinho de estimação. Ele é um companheiro que presta um papel indispensável na vida de uma pessoa cega, auxiliando-a na locomoção do dia a dia. Treiná-lo é muito caro e leva tempo. Apesar de serem muito fofinhos, você deve se controlar para não interagir com eles.

Veja agora o que fazer e não fazer na presença de um cão-guia:

1) Não faça carinho no cão-guia: ele pode ser desviar de seu trabalho;

Descrição da imagem: na fotografia vemos um homem beijando a cabeça de um cão da raça Golden.

2) Nunca alimente um cão-guia: seu dono é o responsável por isso;

Descrição da imagem: vemos apenas as pernas de uma pessoa que veste calça jeans e segura uma bengala branca com a mão direita e na esquerda segura a guia com um cão-guia que está com a língua para fora.

3) Não brinque com o cão-guia: ele está a serviço do dono e não para diversão. Mas não precisa ter medo, ele é incapaz de fazer qualquer mal sem motivo;

Descrição da imagem: um cão-guia filhotinho está com a pequena guia presa ao corpo.

4) Nunca toque na guia de um cão-guia: ela é somente para o uso da pessoa com deficiência visual;

Descrição da imagem: vemos um cão-guia de cima, toda parte de suas costas e sua cabeça. Ele leva uma guia que diz “Do not pet me. I am working.”, que traduzido para o português significa “Não me acaricie, eu estou trabalhando”.

5) Controle o seu cão: muito cuidado na hora de passar com o seu animalzinho perto de um cão-guia! Acidentes podem acontecer e isso pode ser um risco muito grande à pessoa cega;

Descrição da imagem: na foto, vemos seis cães guias. Da esquerda para a direita, os dois primeiros estão deitados, um é caramelo e o outro é preto. Os quatro seguintes estão sentados, os dois primeiros são caramelos, o seguinte é preto e o último é caramelo.

6) Nunca pegue no braço de uma pessoa com deficiência visual acompanhada ou não por um cão-guia sem antes perguntar se ela precisa de ajuda;

Descrição da imagem: vemos, na fotografia, uma mulher caminhando em uma calçada segurando a guia com um cão-guia em sua mão esquerda e logo atrás dela um homem que segura uma bengala branca dobrada com a mão esquerda.

7) Ofereça informações claras: se uma pessoa cega com um cão-guia lhe pedir informações, você deve ser simples e objetivo, como “siga” ou “vire à direita ou à esquerda”;

Descrição da imagem: na fotografia vemos um homem com um cão-guia na calçada da famosa Av. Paulista, entre o prédio da Fiesp e o metrô Trianon-Masp.

8) Dirija-se sempre ao dono: quando tiver que falar algo com uma pessoa com deficiência visual acompanhada de um cão-guia, fale diretamente com ela, nunca com o cão-guia;

Descrição da imagem: na fotografia, vemos uma mulher sentada e um homem também sentado, mas de costas. Enquanto eles conversam, um cão-guia está deitado embaixo da cadeira da mulher.

9) Aproxime-se pela direita: sempre que uma pessoa com um cão-guia lhe pedir ajuda, você deve se aproximar pela direita, de modo que o cão fique do lado esquerdo. Se o dono aceitar a sua ajuda, ele vai ordenar que o cão siga você. Ele também pode pedir para que você ofereça seu braço esquerdo, ordenando que o cão fique temporariamente fora de serviço.

Descrição da imagem: vemos apenas as pernas de duas pessoas, que estão bem uma ao lado da outra, e carregam bengalas brancas com a mão direita. A segunda delas leva a guia com o cão-guia na mão esquerda.

10) Cães-guia podem entrar em qualquer tipo de estabelecimento, inclusive de trabalho, sem causar qualquer tipo de alteração para o ambiente. Eles ficam junto ao dono, aguardando suas ordens.

Descrição da imagem: vemos uma fotografia do escritório de uma empresa. Ao fundo, vemos um computador e um homem sentado de costas. Em primeiro plano, vemos uma pessoa de cabelo comprido com um cão-guia deitado em um pequeno cesto xadrez de azul e branco.

Gostou? Então compartilhe!

Descrição da imagem: vemos um cão-guia caramelo deitado com uma coroa prateada com pedras brilhantes cor de rosa.
One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.