Altos e baixos

Sempre gostei muito de montanha russa. Mesmo aquelas enferrujadas, caindo aos pedaços, que mais parecem de filme de terror. A partir do momento que aperta o cinto, não tem mais volta. O medo controlado acaba virando diversão.

Essa semana particularmente foi aquele breve espaço de tempo no final de uma grande descida. Você sabe que vai voltar a ficar caótico daqui a pouco, então aproveita os poucos segundos pra recuperar o fôlego. E essa sensação pra mim foi design.

Nos últimos 2 anos tenho trabalhado praticamente só com design, então lidar com ferramentas de projeto foi bem mais tranquilo. Mas como o objetivo é não ser tranquilo, aproveitei para aprender alguma coisa nova: o Sketch. Apesar de lidar com design ter sido gostosinho, o sentimento geral do projeto ainda era aquele de urgência, ao qual já estou me tornando muito familiar.

O BEPiD é como uma montanha russa. Uma montanha russa que sai do topo do prédio mais alto, passa por um tanque de tubarões, dá 15 loops em sequência só pra começar tudo de novo.

E nessa loucura, eles descobriram a fórmula mágica da motivação.

Inércia.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Ana Carolina Barreto’s story.