Como o Arsenal desenvolve a formação de seus jovens atletas – O que podemos aprender com isso.

Onde queremos estar daqui a 5 anos? Essa é a pergunta chave para os Guerreiros Corais e precisamos desenvolver constantemente questões administrativas e técnicas.
Após termos trabalhado baseado no Ajax, agora é a hora de falarmos de um grande clube Inglês. O Arsenal.

É importante recordar que a Inglaterra tem passado por uma reformulação de suas categorias de base e que tem gerado frutos. Apenas nos últimos anos conseguiu ser Campeã Mundial no Sub-17 e Sub-20 e Campeã da Europa na categoria Sub-19. Para entender a importância dos Gunners, na equipe campeã do Sub-17, a equipe possuía 5 atletas no elenco.

Como o Arsenal trabalha sua academia de futebol:

Vamos começar por alguns detalhes da política de treinamento das equipes. O primeiro ponto é que os treinadores são os responsáveis por definir o conteúdo do treino e há um profissional com atribuição de supervisionar as seções de treinos que regularmente consultam os treinadores para definir possibilidades de melhorias.

Na lógica educacional, dois aspectos chamam muito a atenção. O primeiro deles é sobre alojamento. Os atletas até o Sub-16 moram com seus parentes e são de Londres ou de cidades periféricas. Moram com os responsáveis e vão aos treinos nos horários agendados para tal. Os demais treinam em unidades esportivas do clube fora da cidade.

O segundo aspecto é sobre a formação educacional. Para os atletas acima dos 16 anos, além de participarem da educação formal padrão – colégios - recebem também um Programa Educacional do Arsenal que foca em Inglês, Habilidades para a vida no qual os jovens recebem aulas de Finanças, comunicação, mídias sociais e sobre comportamentos e atitudes.
Também recebem aulas de Ciência do Esporte e qualificações para treinadores de nível básico (Algo que não encontramos no Brasil). Com essa formação recebida, os atletas recebem educação para ter oportunidades de carreiras caso não se tornem jogadores de elite.


O que aprendemos e usamos:

Elencamos acima apenas os pontos que acreditamos que pode ser úteis para a Academia de Futebol Guerreiros Corais. Então vamos detalhar cada um dos pontos. O primeiro deles é sobre os treinadores pensarem os próprios treinos.

A Academia Guerreiros Corais possui um Manual Técnico que aborda diversos aspectos para a formação do atleta, como se deseja que a equipe se comporte nos momentos do jogo, porém, deixando aberto como isso deve ser desenvolvido na prática. Queremos que nossos treinadores sejam obrigados a se atualizar constantemente, procurando avaliar periodicamente os atletas e suas necessidades para a formação esportiva deles.

É importante ter a ciência que, apesar do futebol ser uma modalidade coletiva, na formação dos atletas o foco precisa ser individual. Mesmo que seja formado uma equipe extremamente vencedora, um número reduzido de atletas terá condições de serem atletas profissionais do clube.

Para ter a clareza dessa informação, nos clubes europeus apenas 8,6% dos atletas assinam seu primeiro contrato profissional pelo clube que o formou, demonstrando que, mesmo os atletas que são “prata-da-casa” possuem uma barreira significativa na assinatura do contrato para o profissional. Não é só no Brasil. É no mundo.

Para isso é importante ter em mente a importância do trabalho descentralizado realizado pelos Guerreiros Corais. Evitar que o atleta, ainda muito novo, saia do convívio familiar para viver no clube. É importante que o atleta não seja tolhido do convívio familiar e dos amigos tão cedo, mas que tenha uma preparação adequada próximo aos entes. A quantidade de benefício trazido por essa decisão é enorme principalmente nas vertentes sociais, esportivas e financeiras. Para o atleta e para o clube.

segundo aspecto que aprendemos e estamos desenvolvendo é o Programa Educacional Guerreiros Corais que será composto basicamente por três vertentes.

  1. Uma delas, realizada em janeiro para as crianças, que se baseia também em um conceito Finlandês Me and My city que visa que as crianças conheçam as profissões ligadas as futebol a partir de dinâmicas práticas em formato de colônia de férias.
  2. A segunda vertente será de palestras e cursos online bem como conteúdos disponibilizados no nosso site para os atletas com objetivo de abordar temas como vida de atleta, habilidades para a vida, finanças, mídias sociais, estudos, atitudes e conhecimentos sobre futebol.
  3. A terceira e última vertente, esta já em prática, é o momento “Guerreiros do bem” no qual os atletas precisam ser protagonistas sociais, realizando trabalhos que perceberam importante para crianças em situações de necessidade ou para a cidade.
    Em pouco tempo teremos resultados significados para o clube.

O nosso esforço é para isso. E aí, gostou do texto? O que você achou mais interessante?

Conheça mais o nosso trabalho no nosso site e Instagram

    Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
    Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
    Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade