Saiba como ajudar as vítimas do temporal na Grande SP

Voluntários trabalham com doações em Ginásio de Mairiporã, uma das cidades atingidas pelo temporal — Crédito: Humberto Müller/Agência Mural

A tempestade que desabou sobre o Estado de São Paulo entre a noite de quinta (10) e a madrugada de hoje (11) provocou 21 mortes, deixou cidades alagadas e famílias desabrigadas. Para contribuir com as vítimas, aqui vão alguns contatos e endereços para doações em quatro municípios atingidos na Grande São Paulo:

A tempestade que desabou sobre o Estado de São Paulo entre a noite de quinta (10) e a madrugada de hoje (11) provocou 21 mortes, deixou cidades alagadas e famílias desabrigadas. Para contribuir com as vítimas, aqui vão alguns contatos e endereços para doações em quatro municípios atingidos na Grande São Paulo:

<> Franco da Rocha
 

Recebimento de doações: Quem quiser auxiliar desabrigados com doações ou voluntariado deve se dirigir à avenida Coronel Domingos Ortiz, 499, e pelos telefones 4800–7492, 4800–7493 e 4800–7494.

___________________________________________________________________

<>Francisco Morato

Itens necessários: Água, mantimentos, roupas, cobertores, mantimentos, remédios e material de higiene.
 
 
Recebimento de doações: Secretaria Municipal de Cultura
 Endereço: Rua Azevedo Marques, 26 (Em frente ao clube Progresso)
 
___________________________________________________________________

<> Guarulhos

Moradores do Jardim Presidente Dutra e região, com apoio de entidades religiosas, se mobilizaram para arrecadar doações de alimentos, roupas, cobertores e produtos de higiene pessoal. A defesa civil da cidade está ajudando na organização.

O ponto de coleta está concentrado no CEU Presidente Dutra, localizado na Rua Maria Paula Motta, antiga rua 100.

___________________________________________________________________

<> Itapevi
 

Recebimento de doações: Complexo Desportivo Educacional João Salvarini (até 18h — sábado e domingo, das 8h às 18h). Endereço: Rubens Caramez, 1000A — Centro

A equipe do CRJ (Centro de Referência da Juventude) de Itapevi está organizando as doações para as famílias que sofreram com desabamentos no Jardim Rosimeire — Favela do 13. Você pode entrar em contato com Jorge Naldo Pereira (https://www.facebook.com/CRJ.Itapevisp) ou Mikael Ferreira (https://www.facebook.com/profile.php?id=100004189632957) pelo Facebook.

________________________________________________________________

Ginásio Municipal de Esportes Florêncio Pereira, em Mairiporã — Crédito: Humberto Müller/Agência Mural

<> Mairiporã

O principal acolhimento dos desabrigados está sendo feito no Ginásio Municipal de Esportes Florêncio Pereira, localizado na Estrada Rio Acima, 400 — Vila Sabesp, e o telefone da Defesa Civil para casos de emergência é (11) 4419–8090/8045/8049.

No centro:

  • OAB Mairiporã-SP R. Ipiranga, 499
  • Academia GT Fitness: Rua Zinho Marques, 215
  • Esporte Clube Mairiporã: Av. Antônio de Oliveira, 165
  • Assistência Social: R. Ipiranga, 130

Na Serra da Cantareira:

  • Av. dos Guarantans, 24, Praça Elis Regina (Pizzaria Cantarar)
  • Avenida Cabreúva, 1000, Sede do Condomínio Sausalito

Muitos animais também foram afetados, inclusive há familias não querem sair de casa para não deixar os animais que não poderiam ir para os abrigos. Para ajudar com os animais, dois locais estão recebendo doações de rações:

  • OAB Mairiporã-SP R. Ipiranga, 499
  • Espaço da Cultura — Rua XV de Novembro, 171
    Rua XV de Novembro, 171 Centro

(post atualizado às 0h16 de 12 de março)

Segundo a Prefeitura de Mairiporã, a defesa Civil do município está em alerta e que é importante salientar às pessoas que estão em áreas de risco, para que saiam de casa e procurem acolhimento no Ginásio de Esportes.

Agência Mural

Caso conheça outras formas de contribuir com as vítimas e queira divulgar, entre em contato conosco
Facebook: https://www.facebook.com/agenciamural/?fref=ts
Twitter: @agmural

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.