Bel Pesce e o empreendedorismo de palco: porque a Menina do Vale não vale tanto assim
Izzy Nobre
4.5K367

Izzy Nobre, você exagera muito e acabou cometendo o mesmo pecado que diz que a Bel Pesce cometeu. Apenas alguns pontos que menciono:

1. Github: Uma parcela mínima de todos os desenvolvedores tem linhas de código publicada lá. Lá só tem projetos open source. Faça uma enquete no Facebook para seus conhecidos que trabalham com computação e veja o percentual de quantos já colaboraram com projeto open source na vida.

2. Contribuições em produtos/ferramentas/projetos desenvolvidos. Nem tudo tem natureza pública, por regra numa empresa típica de TI o que você faz é propriedade da empresa. Ou seja, você não vai encontrar artigos ou menções ao seu nome, principalmente se houver um time muito grande envolvido. Isso acontece com quase todos nós da indústria de TI! Essa falta de informação não é evidência alguma. Além disso, você não vai trabalhar sempre em no filé mignon de um projeto importante, softwares periféricos/utilitários não são incomuns, o que não significa que sejam triviais.

3. [Esta é percepção pessoal] Estar desde a fundação ou fase embrionária de uma empresa, na minha avaliação, dá permissão pra vc dizer que foi um dos colaboradores fundadores sim, pra enfatizar que você estava lá desde o começo. Aliás, parece que ela foi Head de Business e não um funcionário de menor importância, ainda mais numa startup.

4. Ooyala não é uma plataforma desconhecida como diz no final do seu artigo. Tem mais de 450 funcionários e pude conhecer brevemente gente que trabalha lá (um brasileiro inclusive) neste ano na maior conferência de broadcasters do mundo (NAB) em Las Vegas. Apenas por curiosidade: os caras levantaram um mega stand do lado de fora e deram uma mega festa que certamente custou uma fortuna.

Honestamente, seu texto confunde muito mais do que esclarece. Está destilando o ódio com uma fundamentação muito pobre e repleta de erros.

Like what you read? Give André Ikeda a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.