Eu não quero viver outra crise de ansiedade sem você.

João Doederlein
Oct 26, 2016 · 2 min read

Somos de realidades completamente diferentes. Eu estou acostumado a catar meus pedaços e seguir em frente sem ninguém me perguntar nada. Eu prefiro que não me perguntem nada. Eu acho que ainda não encontrei a pessoa que me aqueceria o coração quando perguntasse “Tá tudo bem?”. Até porque ela perguntaria isso já sabendo a resposta, segurando a minha mão.

Quem viveu tantos anos com ansiedade sabe bem o quão fundo é o buraco da própria alma. A gente sabe se virar. Mas um pouco de empatia faz falta. Uma pergunta retórica sem muita ambição. Sabe? Eu queria que você fosse minha pergunta retórica. Que você fosse minha melhor resposta pra essa bosta que é o aperto que esmaga meu peito quando ninguém vê.

Você tem isso? Você tem esse alguém? Eu não sei. Me parece ter. Mas você entrou no meu peito como quem procurava um apartamento novo pra morar. Tocou a campainha como quem não queria nada, mas o som do seu toque na porta da minha alma era tão forte que me fazia reviver sentimentos como quem reencontra amigos do colegial.

Aí existia tanta instabilidade quanto aqui. Éramos duas pessoas cansadas de amores cansados. Somos duas pessoas cansadas de amores cansados. Estamos quebrados demais pra se importar. Acomodados. E que a bebida mais uma vez nos una e nos separe. Eu nunca vou entender pessoas que pedem pra entrar em nossas vidas e vão embora sem avisar.

Eu nunca vou entender pessoas que têm tanto medo de se entregar. Ou que acham que nós somos um videogame que você pode desligar quando quiser.

Eu quebrei a porta pra você, não precisa tocar a campainha. Entra e quiser. Sai (de novo) se quiser.

Mas se estiver aqui pra me usar de fuga… usa. Eu dou conta dos meus pedaços como sempre dei. Mas faz cafuné em mim uma última vez? Minha ansiedade tem medo de cafuné.

fotografia por Olivia Bee

João Doederlein

Written by

Ressignificador de palavras profissional, poeta de apartamento, e criador do Contos Mal Contados http://on.fb.me/1PW436R

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade