A TRAJETÓRIA DO ARTISTA
K.
632

Obrigado pela entrevista maravilhosa. Não foi só a mãe da Carol que derramou umas lágrimas por ela, mas eu também. Essa coisa de simpatizar com um estranho.

Desejo muitos anos de arte para a Carol.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.