Fale com você mesmo

Por que estás abatida, ó minha alma? E por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, o qual é a salvação da minha face e Deus meu (Salmos 43:5).

O que me chama a atenção neste texto é que o salmista está falando com sua alma, ou melhor, ele está falando consigo mesmo. Normalmente, somos muito bons em pregar para os outros, mas quem é capaz de pregar para si mesmo? A nossa mente é muito interessante. Às vezes parece que existe um turbilhão de pensamentos dentro da nossa cabeça, que não sabemos de onde vem, alguns bons e outros ruins. Depende do nosso estado de espírito.O maior problema é que nossos pensamentos, às vezes, parecem ser contrários à nossa fé, se é que isto é possível.

Cremos em Deus, mas as vezes surgem pensamentos na nossa cabeça do tipo: “será que Deus existe mesmo?”, “Deus não fez nada até agora, porque eu devo acreditar que ele ainda vai fazer?”, “Será que Deus se importa realmente comigo?”, ou ainda “Porque devo continuar crendo, se a resposta nunca vem?” Sim, são muitos os pensamentos desta natureza que se infiltram em nossa mente. Talvez neste exato momento, sua alma esteja perturbada dentro de você. Mas fique tranquilo, porque você não é o único a passar por isso. O próprio salmista passou pela mesma situação. Sua alma estava abatida, triste, dominada por pensamentos negativos. Sabe o que ele fez? Ele conversou com sua alma.

Ele disse assim: Por que você está assim tão triste, ó minha alma? Por que está assim tão perturbada dentro de mim? Ponha a sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei; ele é o meu Salvador e o meu Deus. Sim, ele conversou com a sua alma. Ele teve uma boa conversa consigo mesmo. Talvez esteja na hora de você fazer o mesmo. Você já conversou com a sua alma hoje? Você já disse para si mesmo que Deus está no controle de tudo? Você já disse para si mesmo que tudo vai acabar bem? Pois diga. Porque só assim você vai conseguir vencer os maus pensamentos e vai manter a sua fé firme em Deus.