Real oficial

Eai pessoal da rede social, tudo legal? Claro que sim né, nesse paraíso digital tudo é fenomenal!

Aqui nesses bits não existem bad trips holly shits ugly needs ou baixo astral

Aqui todo relacionamento é perfeito, ninguém tem defeito, toda frase é de efeito, todo ser é magistral

toda paisagem é paradisíaca, toda bebida é afrodisíaca, toda reação é cardíaca, todo prato é o principal

ninguém fica doente, não há dor de dente, tristeza é inexistente, ninguém tira selfie no hospital

aqui nossas vidas são como filmes, somos os atores e atrizes, diretores de diretrizes, produtores de chamarizes, editores de reprises, espectadores felizes dessa história surreal

eu andei meio afastado pois como não anda muito bom o meu legado, não achei meu lugar nesse bailado onde o passo ditado é sempre igual

afinal, quanto likes vale uma fase de dificuldade, uma crise de identidade, ou um simples dia normal?

quem vai compartilhar a dor de não se gostar, o medo de não se encaixar, a angústia por não ser ideal?

então, por assim dizer, achava que aqui não havia nada pra fazer, já que a vida anda meio mal

a vida não ta boa, pois tenho um juiz autocrítico muito forte dentro da minha mente, que me julga e me condena facilmente, me faz réu no meu próprio tribunal

a vida não ta tão boa, pois não consigo ver em mim o que me dizem meus amigos, me sinto meu próprio inimigo, porque pros outros tenho flores e pra mim um arsenal?

a vida não ta tão boa, pois as vezes tenho empatia em excesso, que me faz agradar a todos, confesso, e esquecer de agradar a mim, assim, paradoxal

a vida não ta tão boa, pois as vezes me falta empatia para perceber aquele alguém que precisa de um abraço, um carinho, um confidente, um ombro amigo, um contato real

a vida não ta tão boa, pois tem dias que eu penso demais complico demais me inibo demais e perco minha essência na relação afetiva, familiar, profissional, sexual

a vida não ta tão boa, pois quando olho para os motivos das minhas tristezas penso “white people problems, isso é tudo banal”

a vida não ta tão boa, pois não me acostumo nunca com gente passando frio e fome, criança de rua sem sobrenome, seres humanos caindo da beira desse abismo social

a vida não ta tão boa, pois me sinto impotente, querendo ajudar toda essa gente, mas sem conseguir mudar a vida de um único marginal

a vida não ta tão boa, pois enquanto to aqui me afogando em dúvidas vejo um povo nadando num mar de certeza, julgando com frieza, impondo sua moral

a vida não ta tão boa, pois escrevo tudo isso do fundo do meu peito, mas lembro que é feio ter defeito, e tenho vergonha de publicar no meu mural

a vida não tá tão boa… mas não tá tão ruim, e sei que vai melhorar, as coisas tendem a se acertar, as dificuldades não tem como evitar, mas o sofrimento é opcional

somos donos do nosso destino, construímos o nosso caminho, somos deuses em nosso olimpo e podemos transformar toda água em vinho se confiarmos no nosso potencial

e assim a gente vai vivendo, errando e aprendendo, acertando e agradecendo, se expressando se comovendo, e neste embalo vou percebendo que o cara angustiado que começou escrevendo já não é o mesmo que sorri nesse final

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.