A geração que nasceu nos anos 1980 talvez seja a última que sabe como é ter momentos de verdadeira solidão. Aqueles em que é possível decidirmos sozinhos o que achamos de nós mesmos, e que são tão importantes e desejados hoje em dia. O famoso “tempo do eu”.
Mais self, menos selfie
YOUPIX
2038

Isso me faz lembrar das horas em que ficava sentada no sofá sem fazer nada escutando música e pensando na minha vida

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.