Se a culpa é sua, deixa de vitimismo e cresce.
JAWs
31

Realmente o mundo anda cheio de “vítimas” por aí.

Lendo este texto me fez lembrar de uma situação ocorrida com uma amiga minha. Conversando com ela pelo whatsapp ela me confidenciou que esta sem falar com suas irmãs por elas a tratarem mal e por achar que elas tem inveja dela. Como eu conheço a minha amiga de muitos anos e sei o quanto ela tem um temperamento explosivo, eu sei que ela não é tão vítima assim. Infelizmente ela não é capaz de enxergar as próprias falhas e toda vez que ela tem algum desentendimento com alguém ela diz que é a outra pessoa que é culpada e que tem inveja dela. Sempre foi assim desde criança e creio que este tipo de comportamento não vai mudar.

Ultimamente eu tenho aprendido a sair dessa posição cômoda de vítima e tento analisar a situação de uma forma mais ampla. Tenho localizar aonde houve o erro e vejo quanta parcela de culpa eu tenho para que aquela situação acontecesse e tento achar uma solução para que isso não se repita mais.

As pessoas aqui no Brasil tem o hábito de vestir o personagem da vítima para tudo mas não tem a coragem de olhar para a situação de cabeça fria e olhar aonde errou. Todos gostam de vender a imagem que são bonzinhos e amáveis mas agente sabe que ninguém é assim o tempo todo.

Até quando as pessoas vão ficar fazendo barulho na janela com suas panelas e frigideiras e vão tomar uma atitude que realmente mude os rumos?

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Aline Silva’s story.